Q

Previsão do tempo

13° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 13° C
13° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 13° C
14° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 12° C

Hospital de Alcobaça vai receber Unidade de Cuidados Paliativos

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Centro Hospitalar de Leiria (CHL) recebeu a aprovação do projeto da construção da Unidade de Cuidados Paliativos a instalar no Hospital de Alcobaça Bernardino Lopes de Oliveira (HABLO), e também da remodelação das instalações de hidroterapia e áreas complementares do Serviço de Medicina Física e de Reabilitação, no Hospital de Santo André (HSA), em Leiria.

A candidatura dos projetos ao Centro 2020 foi validada pela Comissão Diretiva do Programa Operacional Regional do Centro, e será agora possível concretizar estes dois grandes investimentos que o CHL definiu como estratégicos e prioritários já há vários anos, e que finalmente irão permitir oferecer mais qualidade e diversidade de serviços às populações que o CHL serve.

Alexandra Borges, vogal executiva do Conselho de Administração do CHL explica que «estes dois projetos não foram inicialmente aprovados, mas atendendo à sua importância e mais valia que os mesmos irão trazer para a região e para os nossos utentes, não desistimos, defendemos a nossa proposta, apresentámos reclamação e acabámos por ter a aprovação que, no nosso entender, é da mais elementar justiça». «Neste processo não podemos deixar de manifestar o agrado com que testemunhámos o movimento de solidariedade, que foi público, e que a comunidade e várias entidades do distrito encetaram e que contribuíram para este desfecho», remata.

A Unidade de Cuidados Paliativos, a primeira no distrito, terá 12 camas e irá permitir colmatar uma grave falta de resposta na região prestando cuidados de saúde num ambiente confortável e tranquilo, garantindo todas as comodidades aos doentes, melhorando a sua qualidade de vida, aliviando o sofrimento e prestando apoio à família. A região tem um elevado índice de envelhecimento – o segundo mais alto a nível nacional, a seguir ao Alentejo, sendo de 156,6% em Alcobaça –, com o consequente aumento da prevalência de doenças crónicas.

O Serviço de Medicina Física e Reabilitação será remodelado, disponibilizando pela primeira vez neste Centro Hospitalar instalações de hidroterapia – que nunca foi possível colocar em funcionamento desde que o HSA foi inaugurado –, cuja necessidade é manifesta e obriga os doentes desta instituição, adultos e sobretudo crianças, a deslocarem-se a entidades privadas, com todos os custos sociais e económicos respetivos.

A criação da Unidade de Cuidados Paliativos no HABLO é um investimento de 472.024,86 euros, com comparticipação de 156.825,00 euros; a remodelação das instalações de hidroterapia e áreas complementares do Serviço de Medicina Física e de Reabilitação, no HSA, te, um valor de 948.796,92 euros.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Timorenses acolhidos por Alcobaça aguardam ofertas de emprego

40 migrantes de nacionalidade timorense foram alojados na Pousada da Juventude de Alfeizerão, em Alcobaça. “São na maioria jovens entre os 20 e os 30 anos, que vieram encaminhados pela Segurança Social de Leiria”, segundo o presidente da Câmara de Alcobaça,...

Trabalhadores dos rebocadores costeiros veem as suas pensões repostas

Trabalhadores dos navios rebocadores costeiros viram as suas pensões suspensas durante cerca de dois anos devido a uma reinterpretação da Lei. Para além da suspensão, o Centro Nacional de Pensões impunha a reposição das pensões auferidas nos dois últimos anos....

rebocador 1