Q

Previsão do tempo

18° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 23° C
18° C
  • Monday 26° C
  • Tuesday 27° C
  • Wednesday 27° C
18° C
  • Monday 28° C
  • Tuesday 28° C
  • Wednesday 29° C

“Poesia Experimental” revela obra de Armando Macatrão

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Desde Abril que se encontra em exposição na Galeria Poex na Nazaré “Poesia Experimental” de Armando Macatrão, um conjunto de poemas que aliam a palavra a uma forte componente conceptual e visualmente expressiva. O poeta é mesmo considerado um autor cujo trabalho é marcado por um forte grau de conceptualização capaz de conjugar a geometria […]

Desde Abril que se encontra em exposição na Galeria Poex na Nazaré “Poesia Experimental” de Armando Macatrão, um conjunto de poemas que aliam a palavra a uma forte componente conceptual e visualmente expressiva. O poeta é mesmo considerado um autor cujo trabalho é marcado por um forte grau de conceptualização capaz de conjugar a geometria com códigos linguísticos. Este conta já no seu currículo com exposições nacionais e internacionais que trataram de levar o seu trabalho a cidades do país como Setúbal ou Bolonha em Itália. Macatrão é ainda considerado um poeta experimental com características próprias graças à estética “concretista” de grande parte dos seus poemas ou pelo cuidado técnico posto na sua execução, sem esquecer a reflexão que cada poema seu revela.

Contudo, não se pense que as suas criações estão vedadas ao entendimento do comum dos mortais, junto a estas vem acompanhada uma nota explicativa que procura contribuir para a transmissão eficiente da mensagem (uma espécie de legenda, digamos) que permite compreender a génese e a complexidade dos trabalhos. É algo que demonstra claramente a preocupação do poeta em fazer entender um tipo de obra literária que nem sempre é acolhido com a disponibilidade reflexiva que exige, ao mesmo tempo que se procura não limitar a leitura a tal explicação, antes abrindo as portas para outro tipo de horizontes.Armando Macatrão não deixa de expressar igualmente a influência que a formação científica tem nos seus poemas, além da Natureza e dos temas ambientais (questões tão presentes hoje em dia) ou a própria preocupação que manifesta com os dilemas da sociedade actual e os “absurdos aterradores do nosso tempo” (assim o indica o texto de introdução à exposição). Até final de Junho a Galeria Poex encontra-se aberta ao público todos os dias entre as 10 h e as 13 h, alargando-se o horário até às 20 h entre sexta e domingo. DM

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Quercus atribui Qualidade de Ouro a duas praias do concelho da Nazaré

A associação divulgou a lista das 440 praias com “Qualidade de Ouro”, um valor nunca antes alcançado na história deste galardão que avalia a qualidade das águas balneares nacionais, estando as duas praias costeiras do concelho da Nazaré integradas no ranking de...

245416536 4319795401408206 1376882044721136776 n

Barreiras nas arribas em direção ao Forte de São Miguel Arcanjo

O Município da Nazaré instalou barreiras de proteção às arribas em direção ao Forte de São Miguel Arcanjo. A intervenção, realizada pelo Gabinete de Ambiente e Serviço Municipal de Proteção Civil do Município da Nazaré, em coordenação com a Agência Portuguesa do...

barreiras