Q

Previsão do tempo

21° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 20° C
  • Monday 22° C
23° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 23° C
  • Monday 29° C
22° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 24° C
  • Monday 33° C

Gestão de eventos e a dinamização da economia da Nazaré esteve em Fórum Económico na Polónia

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Nazaré foi a vila portuguesa convidada, e a única representante do país, do 32º Fórum Económico, realizado pela Fundação do Instituto de Estudos Orientais, na cidade Karpacz, na Polónia, de 5 a 7 de setembro, sob o tema “Novos valores para o velho continente – A Europa no limiar da mudança, em que participaram […]

A Nazaré foi a vila portuguesa convidada, e a única representante do país, do 32º Fórum Económico, realizado pela Fundação do Instituto de Estudos Orientais, na cidade Karpacz, na Polónia, de 5 a 7 de setembro, sob o tema “Novos valores para o velho continente – A Europa no limiar da mudança, em que participaram oradores de vários pontos do mundo.

Walter Chicharro participou no painel “Eventos Desportivos como chave para o desenvolvimento e promoção das Regiões”, onde foram apresentados outros casos de cidades em que se realizaram eventos desportivos internacionais responsáveis pela mobilização de milhares de turistas ao longo do ano e que geram receitas adicionais às economias locais.

Maria de Nova Pozuelo, do Governo Regional da Andaluzia; Marvin Kaminski, pela Federação Polaca de Equitação; Robert Korzeniowski, pela Fundação Robert Korzeniowski; Dariusz Choruzyk, representante da cidade Piwniczna – Zdroj e Piotr Obidzinski, da RSK Raków Czestochowa S.A, compuseram este painel, que decorreu durante a manhã do passado dia 6.

“A organização de eventos desportivos traduz-se em benefícios e desafios para as organizações. Uma boa organização pode ser uma excelente alavanca de promoção das localidades ou Regiões, e, a longo prazo, motor de desenvolvimento. Eventos internacionais geram mais receitas e podem atrair milhares de novos turistas. Qual é o segredo para o sucesso de um evento de grandes proporções? Como criar um evento desportivo economicamente viável apesar dos avultados investimentos necessários em infraestruturas? Pode construir-se uma identidade apenas a partir destes eventos desportivos?” foi o desafio lançado pela organização aos convidados deste painel.

Walter Chicharro explicou que a Nazaré se tem posicionado como “um palco privilegiado de eventos nacionais e mundiais, o que lhe tem dado uma grande exposição mediática internacional e provocado alterações ao nível económico”.

“De uma vila, quase exclusivamente, piscatória, a Nazaré passou a crescer no turismo, nos negócios e nos investimentos em diversas áreas de atividade, nomeadamente por parte de multinacionais e empresas nacionais de diversos sectores.”

O impacto das ondas gigantes na economia da Nazaré tem sido evidente, tendo começado a evidenciar-se entre 2014 e 2015, segundo o autarca, o que foi visível “com propostas de instalação de projetos de hotelaria e de novos negócios”.

“Nazaré gera mais notícias internacionais do que Lisboa. O maior volume de artigos sobre a Nazaré foi detetado nos EUA. Mais de 50 canais de televisão visaram a Nazaré. A liderança é esmagadora: dos 180 artigos que referiram destinos da região durante o mês de novembro (uma subida considerável, em comparação com os 106 do mês passado), 159 tinham a Nazaré como protagonista.”

A afluência de visitantes ao Forte de São Miguel Arcanjo, que oferece uma vista privilegiada sobre o mar e a zona onde o canhão submarino gera as ondas gigantes, ascendeu aos 326 014 em 2019, subindo para 371 391 em 2022, enquanto o ascensor registou 1 milhão de utilizadores em 2019. “É o meio de transporte por cabo mais procurado em Portugal, superando o elevador de Santa Justa, em Lisboa.” Dados mais recentes revelam a continuação de crescimento dos fluxos de visitantes aos dois equipamentos municipais.

O crescimento fez-se sentir, também, nos licenciamentos urbanísticos, para projetos hoteleiros e residências de particulares, nomeadamente para estrangeiros.

Na Polónia, o Presidente da Câmara da Nazaré falou de alguns dos eventos desportivos internacionais que têm projetado a Nazaré no mundo e afirmou que o futuro “passará pela continuação de realização de eventos desportivos de mar e de praia, nomeadamente os torneios europeus, campeonatos de surf e ondas grandes, futebol e andebol de praia, cujo retorno tem sido, até ao presente, considerável, mas também pelos eventos culturais e artísticos, sem esquecer a captação de indústria para a Área de Acolhimento Empresarial de Valado dos Frades”.

A qualificação do espaço público, tornando-se mais atrativo a vários níveis, tem sido outra das apostas da autarquia, que pretende manter este investimento que contribuem para projetar o concelho como um destino de qualidade, seguro e especifico.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Relatório de Gestão Consolidado do Município

Nazaré O Relatório de Gestão Consolidado do Município da Nazaré foi 2023 foi aprovado com 4 votos e 3 contra na reunião de Câmara do passado dia 7 de junho. De acordo com o documento, o passivo do Grupo Municipal apresentou, a 31 de dezembro de 2023, um valor de...

reuniao

Alunos da Amadeu Gaudêncio apresentam peça inspirada em Zeca Afonso

Zeca - Traz Outro Amigo Também, de José Jorge Letria, que reúne os depoimentos de diversos músicos e amigos de uma das referências nacionais na contestação do regime do Estado Novo, foi adaptado para uma peça de teatro que a Oficina da EB Amadeu Gaudêncio...

zeca1