Q

Previsão do tempo

14° C
  • Friday 18° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 26° C
15° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C
14° C
  • Friday 21° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C

Secretário de Estado do Ambiente limpa margem da Lagoa de Óbidos

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A campanha "Vamos limpar a Europa", evento coordenado pela Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, pretende alertar a comunidade para os milhões de toneladas de resíduos que, todos os anos, são lançados nos oceanos, praias e noutros espaços naturais. Uma das ações foi organizada pela Câmara Municipal das Caldas da Rainha e pela Valorsul e realizou-se junto à Lagoa de Óbidos, na margem do lado das Caldas da Rainha, com a presença do secretário de Estado do Ambiente.

Paulo Lemos, participou na manhã do passado dia 10 numa ação de limpeza da margem norte da Lagoa de Óbidos, onde se juntou a cerca de uma centena de populares para recolher várias toneladas de resíduos abandonados. Foram apanhados os objetos mais diversos. “Muitos isqueiros, sapatos e garrafas”, relatou o membro do Governo, que vive no Nadadouro.

“Há poucos anos tínhamos lixeiras por todo o lado. Atualmente temos uma política de gestão de resíduos. O governo está em vias de aprovação do PERSU, que é o plano de resíduos sólidos urbanos para 2020, em que temos metas muito ambiciosas de reciclagem e reutilização, apostando no resíduo como um recurso”, indicou.

“Os plásticos e o vidro que estamos aqui a retirar vão ser colocados devidamente numa entidade gestora, que depois os vai reciclar e vão entrar de novo na economia e evitar que importemos matérias-primas”, sublinhou Paulo Lemos, que defendeu uma maior fiscalização e punição pelo entulho depositado.

“Pelo que conseguimos apurar aqui e basta também passear pela praia em altura de marés vivas, para ver a quantidade de lixo que é ainda atirada para os rios e para o mar, e o facto de estarem aqui cerca de cem pessoas é uma prova de civismo e de cidadania”, manifestou.

“Sempre que vou à praia retiro o lixo e queria dar o exemplo, e é com muito gosto que estou a fazer isto”, justificou Paulo Lemos.

Miguel Silva, administrador da Valorsul, afirmou que “o lixo é um recurso e encontramos no meio do canavial uma série de materiais que ainda tem um potencial de reciclagem muito grande e que depois serão encaminhados para a central de tratamento”.

Os participantes nesta limpeza confessaram ter ficado espantados com o lixo encontrado. A população foi incentivada a ver o lixo como um recurso que pode ser reutilizado depois de reciclado.

Um pequeno gesto que, somado a outros, pode fazer a diferença para o meio-ambiente e para a vida de todos. Nesta ação, na qual também participaram as autarquias da Foz do Arelho e do Nadadouro, foram recolhidas várias toneladas de lixo.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Marcha do Orgulho com mais de 300 participantes

Realizou-se nas Caldas da Rainha, no dia 26 de junho, uma marcha em defesa da comunidade lésbica, gay, bissexual, transgénero e outras orientações de género, com mais de três centenas de manifestantes a rejeitarem serem discriminados e a reclamarem por condições...

marcha1

Arrancaram obras na linha férrea entre Caldas e Torres

A Infraestruturas de Portugal deu início, no dia 28 de junho, à empreitada de modernização do troço da Linha do Oeste entre Torres Vedras e Caldas da Rainha, após a assinatura do auto de consignação ter tido lugar na estação ferroviária de Caldas da Rainha, com a...

ferrovia