Q

Previsão do tempo

16° C
  • Monday 17° C
  • Tuesday 19° C
  • Wednesday 20° C
16° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 24° C
18° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 24° C
  • Wednesday 25° C

Menos ajuda alimentar recolhida em campanha do Banco Alimentar do Oeste

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Os Bancos Alimentares Contra a Fome realizaram mais uma campanha de recolha de alimentos junto da sociedade civil nos dias 1 e 2 de junho.

Na região Oeste, foram recolhidos 67.600,0 kg de bens alimentares, que foram, depois, distribuídos pelos oito concelhos abrangidos pela ação deste Banco Alimentar: Alcobaça 14.564,0; Bombarral 5.104,0; Cadaval 2.471,0, Caldas da Rainha 18.734,0; Lourinhã 9.235,0; Nazaré 5.958,0; Óbidos 3.084,0 e Peniche 8.450,0.

Os valores representam um decréscimo de 15,5 % face à campanha de maio de 2012, “o que confirma a deterioração das condições económicas e, em particular, a contracção do rendimento disponível das famílias portuguesas”, refere o Banco.

Para além das superfícies comerciais, a organização estive também presente em diversas freguesias rurais, nomeadamente: Alcobaça – Cela, Cós e Vimeiro; Bombarral – Mercado Municipal; Cadaval – Alguber, Figueiros, Painho e Vilar; Caldas da Rainha – Santa Catarina; Lourinhã – Abelheira, Atalaia, Lourinhã, Marteleira, Miragaia, Moita dos Ferreiros, Moledo, Reguengo Grande, Ribamar, Santa Bárbara, São Bartolomeu, Sobral, Vimeiro, Zambujeira/Serra do Calvo.

Nas freguesias foram recolhidos 4.161,0 kg de bens alimentares, representando também uma quebra verificada em relação a igual período do ano anterior, ainda assim “revela que os portugueses responderam ao apelo e quiseram demonstrar que, apesar da profunda crise económica que afecta tantas famílias, continuam motivados para ajudar a minorar as dificuldades dos mais carenciados”.

Os bens alimentares agora doados, juntamente com os excedentes alimentares recolhidos diariamente junto dos produtores e comerciantes, bem como as doações feitas por empresas do ramo alimentar, serão distribuídos, através de 60 instituições de solidariedade social, a cerca de 9.000 pessoas com carências alimentares comprovadas, sob a forma de cabazes ou de refeições confeccionadas.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Bombeiros preparam-se para emergências obstétricas

Os bombeiros de Óbidos frequentaram um workshop que visou capacitar os tripulantes de ambulância de socorro para estarem preparados quando transportarem grávidas para uma emergência obstétrica. A iniciativa contou com a participação de cerca de sessenta bombeiros,...

obstetrica

Maior aumento no preço de arrendamento das casas registado em Alcobaça

No distrito de Leiria, Alcobaça, Nazaré e Leiria atingem o patamar dos Mil euros, por mês, na renda média O Imovirtual, portal imobiliário de referência, divulgou, no final de outubro, o seu barómetro relativo à evolução dos preços médios anunciados de arrendamento...

rotunda