Q

Previsão do tempo

6° C
  • Tuesday 11° C
  • Wednesday 12° C
  • Thursday 13° C
6° C
  • Tuesday 13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 14° C
4° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 14° C

Gravidez: a importância de roupa confortável

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Cada gravidez é diferente. Para umas mulheres é uma fase que deixa saudades, para outras nem tanto.

Cada gravidez é diferente. Para umas mulheres é uma fase que deixa saudades, para outras nem tanto.

Optar por medidas que reforcem a comodidade da grávida e que promovam o bem-estar podem fazer a diferença nesta fase tão única e especial.

Durante a gravidez o corpo da mulher passa por uma série de transformações não só físicas como emocionais. As alterações corporais e as mudanças hormonais condicionam o dia-a-dia da grávida. São frequentes as ondas de calor, a azia e certos períodos de maior cansaço.

Com o crescimento do bebé a grávida aumenta de peso e a par da evolução da gestação aumenta também a retenção de líquidos. A certa altura da gravidez torna-se quase impossível fugir às pernas cansadas e aos tornozelos inchados.

A importância da roupa confortável durante a gravidez

Para diminuir o impacto dos sintomas e passar a gestação de forma tranquila e saudável é essencial escolher o tipo de roupa certa.

Nos primeiros meses até pode ser fácil sentir-se confortável usando a roupa que sempre usou, mas à medida que os meses passam o incomodo aumenta e torna-se inevitável atualizar o guarda-roupa.

A roupa de grávida destaca-se pelo bem-estar que pode trazer à rotina. Uma peça de roupa confortável adapta-se ao corpo ao mesmo tempo que ele se vai alterando, o que faz com que as transformações sejam mais fáceis de gerir.

Lidar com os sintomas provocados pela gravidez torna-se mais simples quando a gravida se sente confortável. A roupa que deixa a mulher a sentir-se apertada não facilitam a respiração e restringem os movimentos.

Que tipo de roupa deve usar durante a gravidez?

Sentir-se bem implica usar roupa que ofereça suporte nos sítios certos, que se ajuste onde é preciso e que deixem espaço para que a grávida se movimente com liberdade.

Peças largas

Uma das vantagens das peças de roupa mais largas ou elásticas é que ajudam a combater o sedentarismo e contribuem para que grávida se mantenha ativa. Fazer exercício físico e manter um estilo de vida saudável são mais do que recomendados na gravidez.

Por outro lado, a roupa justa tem a desvantagem de complicar a circulação sanguínea da grávida, promovendo o aparecimento de tornozelos e pernas inchadas. Este é um ponto a que as gravidas devem estar atentas, já que na gravidez os vasos sanguíneos tornam-se mais debilitados.

No caso da grávida é, por isso, importante fugir às calças apertadas para evitar complicações vasculares. O melhor é mesmo optar por calças com cintura elástica que se adaptem ao crescimento da barriga e que não gerem demasiada pressão na região do útero.

Blusas que estiquem com facilidade e que deixem a grávida respirar normalmente são outra necessidade para a futura mamã. As dificuldades na digestão que são um sintoma tão típico nas gravidas também podem ser acentuadas pelo uso de roupa apertada, já que o aumento da pressão aumenta o refluxo e a azia.

Se a blusa ou camisola deixa marca é porque está demasiado justa e deve ser por isso colocada de lado até ao nascimento do bebé.

Tipos de tecido

Na escolha de peças confortáveis é também importante considerar o tipo de tecido usado, sendo preferível optar pelas fibras naturais, que causam menos irritações. Esta recomendação está relacionada com a presença de alguns componentes químicos nas que podem gerar reações alérgicas.

As fibras sintéticas tendem a ser menos recomendadas devido à desvantagem de reterem a transpiração. É uma boa opção privilegiar peças de roupa com fibras naturais, como o algodão e o linho, especialmente em peças de roupa que ficam em contacto direto com a pele. No fundo os tecidos mais elásticos e suaves continuam a ser melhores amigos da grávida, já que trazem comodidade e bem-estar ao dia-a-dia da grávida.

Lingerie

No que diz respeito à lingerie o recomendado é escolher peças de algodão que são mais seguros para a saúde da região íntima e evitam complicações decorrentes de infeções como a candidíase. Em relação ao sutiã, devem ser preferidos os de alças largas porque oferecem mais suporte e consequentemente menos dores de costas e mais conforto.

A roupa confortável não é, contudo, sinónimo de roupa desinteressante ou sem brilho.

Na escolha do seu guarda-roupa de maternidade não tem de colocar o especto mais estético de lado.

Na Vertbaudet, loja online especialista em moda infantil, encontra também uma grande variedade de roupa de pré-mamã, desde peças sem costuras até à roupa de desporto adaptada à maternidade.

Descubra peças elegantes e casuais. Sinta-se linda e radiante durante a gravidez, sem perder o conforto. Escolha peças de roupa que se adaptem às mudanças de modo a viver a gestação da forma mais cómoda e segura possível.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Ohai Nazaré oferece atividades de Natal para as famílias

O Ohai Nazaré apresenta, de 16 a 18 de dezembro e 29 de dezembro a 1 de janeiro, atividades especiais dedicadas ao Natal. “Para que o espírito natalício envolva toda a família, a sexta-feira é o dia reservado para as sessões de cinema”, refere a organização. “E...

ohai nazare glamping 11