Q

Previsão do tempo

8° C
  • Saturday 16° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 15° C
8° C
  • Saturday 17° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 16° C
8° C
  • Saturday 17° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 15° C

Aposta na economia do Mar em destaque no Open Day da Câmara de Comércio de Lisboa

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O mar foi o tema em destaque no 5º Open Day promovido pela Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa e onde a Nazaré marcou presença no painel “Red Alert: Empresas, Economia, Energia” dedicado à Economia e Empreendedorismo Verde, e à aposta na Baixa emissão de carbono e demais gases do efeito estufa. Tiago Pitta e […]

O mar foi o tema em destaque no 5º Open Day promovido pela Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa e onde a Nazaré marcou presença no painel “Red Alert: Empresas, Economia, Energia” dedicado à Economia e Empreendedorismo Verde, e à aposta na Baixa emissão de carbono e demais gases do efeito estufa.

Tiago Pitta e Cunha, CEO da Fundação Oceano Azul abriu o painel sublinhando a enorme importância do mar para Portugal pois o “oceano terá um papel determinante sobretudo para muitas industrias terrestres” que contribuem, atualmente, para a poluição, com o transporte marítimo, mas também nas energias e na alimentação, já que somente “17% da proteína atualmente consumida provém do mar.”

A Nazaré marcou presença neste painel, através da comunicação do Presidente da Câmara, Walter Chicharro, convidado pela aposta na economia do mar e apoio a projetos que promovem a sustentabilidade, que falou da estratégia de aposta no mar como “uma decisão que tem produzido efeitos”.

“A Nazaré passou a ser uma grande marca global, visitada por mais de 120 nacionalidades por ano. O mar, assim como as ondas, fazem parte da estratégia de desenvolvimento local. O mar tem trazido uma grande nomeada internacional localmente, mas também ao próprio país, e tem trazido, nomeadamente, vários projetos, também através da nossa proatividade”, disse o autarca, nomeando alguns dos investimentos que têm estado a descobrir o Porto de Pesca para os seus investimentos, com a instalação da indústria de aquacultura, a unidade de engorda de linguado bem como o interesse na instalação de uma unidade de aquacultura de salmão.”

Segundo o autarca “estas unidades procuram associar-se à marca Nazaré” e referiu alguns dos contactos de empresas com o Município que podem traduzir-se na instalação de novos projetos de sustentabilidade ambiental, como a das Algas (a aguardar quadros de apoio) ou Vale do Hidrogénio Verde da Nazaré, destinado a produzir bens com baixo teor de carbono, que, embora ocupando somente 10% do território concelhio quis adotar o nome da Nazaré.”

Walter Chicharro disse, ainda, que “o mar tem tido um forte impacto na economia local”, desde sempre, e nos últimos anos, nomeadamente “ao nível da procura, benefícios adicionais que chegaram por força de uma onda mediatizada e que tem origem numa característica que nos torna únicos, o grande canhão submarino da Nazaré.”

A organização justificou a presença de um político num debate que juntou empresários e técnicos ligados à chamada energia verde com o facto de ser “necessário que estes tenham abertura para ver estes setores como estratégicos e permitam a sua instalação”.

O Open Day da Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa realizou-se, pelo quinto ano, no passado dia 11 de outubro, com a finalidade de receber e partilhar know-how, construir pontes e cultivar sinergias.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara investe na Arborização do Parque da Pedralva

A empreitada de arborização de uma área de 2,52 ha do Parque da Pedralva teve início na semana passado e representa um investimento que totaliza os 81.730,45 €. O plano de arborização surge no âmbito da candidatura ao Aviso n.º 11/REACT-EU/2021 – (Re) Arborização...

pedralva