Q

Previsão do tempo

14° C
  • Friday 18° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 25° C
15° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C
15° C
  • Friday 21° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C

Fim da prospeção e produção de petróleo e gás em Aljubarrota chumbado

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O fim da prospeção e produção de petróleo e gás nas freguesias de Aljubarrota no concelho de Alcobaça e na Freguesia da Bajouca no concelho de Leiria, apresentado pelo Bloco de Esquerda (BE), o Partido Comunista (PCP), o Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) foi chumbado pela Assembleia da República.

O projeto de resolução do BE, agora chumbado, exigia o cancelamento dos contratos de prospeção e produção de hidrocarbonetos em Portugal, argumentando com questões ambientais e sociais e custos “irrisórios para o Estado do ponto de vista económico”.

Já o Partido Comunista (PCP) pedia “o cancelamento dos contratos de exploração de gás e/ou petróleo existentes ou previstos para a região de Alcobaça e Leiria“, argumentando que estes “visam os interesses das multinacionais, privatizam e alienam recursos nacionais e ameaçam a qualidade de vida das populações e o meio ambiente”.

O PCP explicava no seu projeto de resolução que “enquanto não existir uma entidade pública com capacidade, meios humanos e técnicos, para realizar campanhas de prospeção e pesquisa sem para isso estar dependente das multinacionais mineiras, defendemos a reavaliação das atuais concessões e a suspensão de todos os lançamentos de novas licenças de prospeção e pesquisa”

A iniciativa de ambos os partidos pedia o fim da pesquisa e exploração de hidrocarbonetos na Batalha (Aljubarrota) e Pombal (Bajouca), defendendo que “Portugal não ganha nada em associar-se a riscos decorrentes de uma atividade que tem fortes impactos no ambiente e na segurança do território e, consequentemente, das populações e das atividades económicas”.

A empresa australiana recebeu as concessões da Batalha e de Pombal em 2015, e desde então já investiu mais de 1,2 milhões de euros em estudos e pesquisa para perceber o potencial de exploração de petróleo na região.

Só estas áreas têm contratos de prospeção e produção de hidrocarbonetos ativos e a decorrer, numa faixa litoral que se estende das Caldas da Rainha (Leiria) a Soure (Coimbra), a cargo da empresa Australis Oil&Gas.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Gala 30 Anos Jornal das Caldas

A noite de hoje é de festa! Assista em direto à Gala dos 30 anos do Jornal das Caldas, a partir das 20h30.

gala 30anos jornal caldas

Farmácias da Nazaré administram gratuitamente vacinas contra a gripe

O Município da Nazaré assinou o “Protocolo de Cooperação para a Administração de Vacinas contra a Gripe – Contingente SNS” com a Associação Nacional de Farmácias e a Farminveste que, até ao final do mês de março de 2022, irá permitir a administração de um máximo de 600 vacinas. A Câmara irá suportar os custos de 600 vacinas contra a gripe sazonal, que serão administradas nas farmácias aderentes.

31976 vacina