Q

Previsão do tempo

13° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 26° C
13° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 30° C
11° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 30° C

Parras Vinhos implementa espaço exterior de 500m2 no CEERIA

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Meia centena de colaboradores juntam esforços para construir um jardim com hortas pedagógicas

No passado sábado, dia 4 de junho, em Alcobaça, meia centena de colaboradores da Parras Vinhos, empresa produtora de vinhos de sete regiões do país, realizou uma ação de Team Building no CEERIA – Centro de Educação Especial, Reabilitação e Integração de Alcobaça. O objetivo foi dar vida e implementar as condições necessárias ao espaço exterior de uma das residências da instituição, para que as pessoas apoiadas possam usufruir melhor desse espaço e estarem em contacto com a natureza de forma saudável e segura.

A opção pelo CEERIA não recaiu apenas na sua localização. Na verdade, a ligação da Parras Vinhos a este Centro de apoio a pessoas com deficiências ou incapacidades, começou no início deste ano, com a inclusão do Rúben na sua Unidade de Engarrafamento, um jovem apoiado pelo CEERIA no âmbito da valência Centro de Reabilitação Profissional. “A forma empenhada como o Rúben se entregou às suas funções no departamento de Logística da empresa impressionou as suas chefias, e inspirou os seus colegas. “Por isso, é com muito orgulho que depois dos primeiros três meses à experiência, a Goanvi Bottling, em articulação com o Serviço de Emprego, vai proporcionar um estágio profissional a este jovem com apenas 22 anos”, conta Elisabete Pires, Diretora de Recursos Humanos da Parras Vinhos.

“Durante estes três meses de convivência com o Rúben fomos ficando cada vez mais despertos para o trabalho que o CEERIA faz e quisemos saber mais. Foi assim que, na altura da decisão da escolha da Associação que iriamos apoiar este ano, a opção não podia ser outra”, acrescenta a responsável de Recursos Humanos. “Fomos visitar as instalações da valência Lar Residencial do CEERIA, na Quinta das Freiras, em Chiqueda, e apercebemo-nos que faltava complementar o excelente trabalho que se faz dentro de salas, com o exterior. Nesse sentido, vamos construir um jardim com hortas pedagógicas, piso apropriado de 500m2, vedação em perfeita harmonia com o espaço natural à volta, mesas, bancos e muita vegetação colorida.”, conclui a mesma responsável.

“Este projeto no exterior traz a todas as pessoas que apoiamos a possibilidade de um maior desenvolvimento das suas habilidades físicas e mentais: a proximidade à natureza, o cuidar e ver crescer uma horta, o treino da motricidade fina, da concentração, e, sobretudo, um sentido de pertença a um projeto coletivo. E, naturalmente, que este projeto contribui, em primeira instância, à finalidade de tornarmos mais felizes as vidas de quem cuidamos e apoiamos, explica Ana Pós de Mina, responsável de Qualidade no CEERIA.

Esta é a segunda iniciativa que a empresa vitivinícola, com sede em Alcobaça (onde também está localizada a sua Unidade de Engarrafamento – Goanvi Bottling) –, realiza no âmbito da sua política de Responsabilidade Social. No ano passado a área de atuação foi Lisboa centro, mais exatamente na Associação de Tempos Livres de Alfama, por ser uma região com ligação ao Grupo, tendo em conta que a Quinta do Gradil pertence à Região Vitivinícola de Lisboa.

Criada em março de 2005, a Goanvi Bottling mantém desde sempre um compromisso na redução dos riscos para o meio ambiente e para a comunidade local. Existe uma constante preocupação na conservação de recursos e na gestão dos resíduos sólidos, encontrando-se a decorrer uma reciclagem de todos os materiais de acondicionamento do vinho, uma captação de águas e um inventário de emissão de gases, bem como várias parcerias com empresas e entidades. Paralelamente a este “pacto” com o meio ambiente a Parras Vinhos instituiu no ano passado a sua politica de Responsabilidade Social que será na maior parte do tempo assegurada pelas ações de Team Building que pretendem juntar os colaboradores fora do seu habitual lugar de trabalho, numa tarefa conjunta que tenha como principal objetivo ajudar o próximo.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara de Alcobaça fecha 2021 com saldo positivo de 463 mil euros

A Assembleia Municipal de Alcobaça aprovou no passado dia 28, as contas da autarquia que terminou o ano de 2021 com um saldo positivo de 463,2 mil euros e reduziu a dívida em 386 mil euros. De acordo com o relatório de contas apresentado aos deputados a receita...

cma