Q

Previsão do tempo

14° C
  • Friday 18° C
  • Saturday 22° C
  • Sunday 26° C
14° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C
14° C
  • Friday 21° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C

Carapau seco em destaque na refeição dedicada à Nazaré na escola de hotelaria e turismo

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O concelho da Nazaré e o carapau seco estiveram em destaque na semana passada na ementa “Sabores do Oeste” preparada na Escola de Hotelaria e Turismo do Oeste, nas Caldas da Rainha.

Os pratos servidos foram ameijoa com molho à portuguesa, caldo verde com carapau seco, caldeirada à pescador e sardinhas doces (massa folhada com creme de ovos) da Nazaré.

A refeição à hora de almoço contou com a presença de elementos do executivo municipal e de presidentes de junta. Walter Chicharro, presidente da Câmara da Nazaré, revelou que o carapau seco tem sido uma aposta, pelo que está prevista uma intervenção no próximo inverno na zona de secagem do peixe, no área da praia, que constitui um dos cartões de visita da Nazaré.

Os estendais de secagem vão ser melhorados e nivelados junto ao paredão, com um circuito que permitirá os turistas andarem à volta. “Teremos um museu vivo de peixe seco, com a reconstrução da estrutura”, indicou o autarca.

Por outro lado, serão criadas condições na antiga lota – atual centro cultural – onde as nazarenas terão uma zona exclusiva para trabalhar o peixe e prepará-lo para a secagem, retirando a componente água do areal, o que evitará cheiros e indo ao encontro das exigências da Autoridade para a Segurança Alimentar e Económica.

Estão também a ser feitas reuniões com técnicos da Escola Superior de Turismo e Tecnologias do Mar de Peniche para preparar uma certificação ou manual de boas práticas desta actividade, sem se pretender complicar esta tradição secular nazarena, que ainda ocupa cerca de dez famílias, e que é identitária do concelho. “Há secagem de peixe noutros pontos do país mas a secagem de carapa é algo quase exclusivo da Nazaré”, referiu Walter Chicharro, que espera que as novas condições possam atrair o aparecimento de mais famílias dedicadas a esta atividade.

O carapau seco está também a merecer divulgação através de programas televisivos – Masterchef e Chef’s Academy, da RTP, utilizaram-no nas receitas. O Município vai levá-lo até às festas marítimas de Brest, uma das mais importantes do mundo, em França. “É um produto que poderá facilmente ser elevado à categoria de gourmet”, sublinhou o presidente da Câmara, que distinguiu ainda os produtos hortícolas de Valado dos Frades.

No que diz respeito à doçaria, admitiu que “temos algum caminho para trilhar”. “Os barquinhos são os doces mais conhecidos e a sardinha doce aparece pontualmente e não a vejo habitualmente à venda. Tentaremos apostar no futuro e porque não elaborar um doce à volta da onda gigante?”, declarou.

A gastronomia dos doze municípios que compõem a região Oeste é promovida em almoços semanais elaborados pelos alunos da escola de hotelaria e turismo, envolvendo as turmas de 2º ano de Técnicas de Cozinha e Pastelaria, Técnicas de Serviço de Restauração e Bebidas e Operações Turísticas e Hoteleiras durante as doze semanas do segundo semestre letivo, sempre à sexta-feira no restaurante pedagógico do estabelecimento de ensino.

Segundo o chef Luís Tarenta, “a ideia é pegar em produtos específicos locais e colocá-los com nova roupagem na cozinha atual”. “Se calhar ninguém pensava em juntar carapau seco no caldo verde”, indicou.

“Imagino alguns destes pratos num restaurante”, confessou, admitindo que neste caso em especifico 90% dos alunos não conhecia o carapau seco e ele próprio tem “aprendido muito” com cada produto.

“O carapau tem várias fases de secagem. Quando só tem dois ou três dias de sol, e anda está muito húmido, chamam-lhe carapau enjoado, e é aconselhável cozer ou grelhar. Dá para caldeirada ou para estufados. Depois de seco é mais difícil de trabalhar, mas pode-se fazer cru”, descreveu.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Requalificação dos antigos Paços do Concelho da Pederneira

O projeto de requalificação do edifício da antiga câmara, na Pederneira, para onde está destinada a instalação do tribunal, foi aprovado pelo Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos de Justiça. Para Walter Chicharro, que anunciou a aprovação durante a última...

pacos do concelho