Q

Previsão do tempo

12° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 16° C
12° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 17° C
13° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 17° C

Mútua dos Pescadores defende meios de salvamento em permanência nos Portos

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Na sequência do trágico acidente ocorrido no dia 6 de outubro, à entrada da barra do porto da Figueira da Foz, com a embarcação “Olívia Ribau”, que vitimou 5 pessoas, a Mútua dos Pescadores defende a dotação dos portos com meios de salvamento e recursos humanos em permanência, que assegurem a resposta imediata em caso de perigo.

Só este ano já se verificaram 776 acidentes de trabalho, dos quais 68 resultaram em incapacidades permanentes e 5 nas citadas mortes. Na mesma atividade, registaram-se 162 acidentes marítimos, dos quais, três implicaram a perda total das embarcações (Elinelson, Arcanzil e Mestre Nelson), e recentemente decorrente de encalhe (Segredos do Mar) e naufrágio (Canope), para além do Olívia Ribau, que no conjunto colocaram em grande risco 38 pessoas, das quais as 5 vítimas mortais.

8 sinistros graves, que envolveram 33 pescadores, 7 dos quais morreram, juntam-se a esta lista negra de tragédias ocorridas, este ano, no mar.

“A situação da sinistralidade laboral na pesca constitui, desde sempre, uma preocupação central desta cooperativa”, diz a Mútua.

A adoção de políticas e investimentos que contemplem um plano nacional de portos, e que preveja a urgente intervenção nos portos, barras, molhes de proteção, canais de acesso e demais infraestruturas, o desassoreamento regular, capacitação financeira dos organismos que se ocupam da segurança marítima e a simplificação da legislação sobre segurança marítima são outras das sugestões da Mútua dos Pescadores para a melhoria das condições de segurança no setor.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara investe na Arborização do Parque da Pedralva

A empreitada de arborização de uma área de 2,52 ha do Parque da Pedralva teve início na semana passado e representa um investimento que totaliza os 81.730,45 €. O plano de arborização surge no âmbito da candidatura ao Aviso n.º 11/REACT-EU/2021 – (Re) Arborização...

pedralva