Q

Previsão do tempo

17° C
  • Friday 26° C
  • Saturday 24° C
  • Sunday 21° C
17° C
  • Friday 31° C
  • Saturday 28° C
  • Sunday 25° C
19° C
  • Friday 30° C
  • Saturday 29° C
  • Sunday 25° C
Naufrágio junto a São Martinho do Porto

Mergulhadores que andavam na apanha de algas são socorridos por salva-vidas

Francisco Gomes

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
“Afligiu-me ver o barco virado mas conseguimos todos manter a calma”, relatou Francisco Sousa, de 60 anos, um dos nove tripulantes da embarcação “Barracuda”, que na tarde do passado dia 27 se afundou junto a São Martinho do Porto.

O barco, com onze metros de comprimento e matriculado no porto da Nazaré, dedicava-se à apanha de algas, quando, cerca das cinco da tarde, foi surpreendido por uma onda de metro e meio.

“Eu estava no fundo do mar e queria vir à superfície para meter o saco com as algas, mas não me puxavam. Consegui subir e vejo o barco virado”, relatou o mergulhador.

Alexandre Cruz, 39 anos, que também estava na água, disse que o incidente causou “maior preocupação” nos vigias que estavam no barco e que, à medida em que ia virando, tiveram de ir subindo para a quilha, no casco da embarcação. Os mergulhadores ficaram “em redor do barco a nadar”, enquanto um deles percorreu cerca de cem metros a nado até chegar a terra, onde pediu socorro a pescadores que se encontravam na arriba da Boavista.

Os oito colegas, com idades entre 30 e 60 anos, foram resgatados por uma embarcação da estação salva-vidas da Nazaré. Uma jangada pneumática do barco naufragado demorou algum tempo a vir à superfície, ativada pela pressão quando a embarcação adornou. Logo após os mergulhadores terem passado para a balsa, chegava o bote salva-vidas, que os recolheu e levou para o porto de abrigo de São Martinho do Porto, onde foram assistidos por equipas médicas, não apresentando ferimentos.

Dez viaturas dos bombeiros de São Martinho do Porto e do INEM de Leiria e Peniche, da Polícia Marítima e da GNR de São Martinho, a par de dois meios aquáticos do Instituto de Socorros a Náufragos e dos bombeiros, estiveram envolvidos nas operações de socorro. Um helicóptero da Força Aérea ainda chegou a ser ativado mas acabou por não ser necessário.

Apesar dos esforços para recuperar o barco, acabou por ir ao fundo. Quando os mergulhadores foram resgatados a embarcação ainda se encontrava à tona de água, mas na hora seguinte foi ao fundo. O local está sinalizado com uma bóia e estava a ser avaliado se haveria risco para a navegação e a viabilidade técnica para remover o barco.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Novo recorde de maior onda surfada na Praia do Norte

Há um novo recorde mundial de maior onda já surfada na Praia do Norte, na Nazaré, que foi alcançado pelo alemão Sebastian Steudtner, que em 29 de outubro de 2020 atingiu os 26,21 metros, segundo foi anunciado nesta terça-feira pela World Surf League (WSL),...

ondajpg

Mário Cerol assumiu o Comando dos Bombeiros Voluntários da Nazaré

O novo comandante dos Bombeiros Voluntários da Nazaré tomou posse do cargo, no passado dia 25 de abril, uma cerimónia que contou com a presença da população e das entidades convidadas. Mário Cerol falou em compromisso, responsabilidade e em gratidão pelo convite...

mario cerol