Q

Previsão do tempo

5° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 12° C
  • Thursday 13° C
4° C
  • Tuesday 13° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 13° C
3° C
  • Tuesday 12° C
  • Wednesday 13° C
  • Thursday 13° C

Nazareno Carlos Codinha agraciado com galardão nacional

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O comandante do Posto Territorial da GNR do Cadaval, o nazareno Carlos Codinha, foi recentemente distinguido com o prémio nacional “General Manuel Farinha Beirão”. A condecoração integrou-se no 104.º aniversário da Guarda Nacional Republicana, cerimónia militar decorrida em Lisboa.

Foi com o sentimento de “dever cumprido” que Carlos Codinha recebeu, das mãos do comandante-geral da GNR, Manuel Couto, o mencionado galardão, que considera «uma condecoração coletiva, somente possível devido ao apoio hierárquico, tanto a nível ascendente como descendente, e fruto das parcerias institucionais dos vários organismos que colaboram diretamente com a Guarda Nacional Republicana», refere o próprio.

«Realço, também, o importante apoio familiar, sem o qual não seria possível ter uma dedicação tão próxima em relação ao serviço», acrescenta o comandante do posto cadavalense.

A atribuição do prémio, que contemplou apenas mais dois comandantes de posto a nível nacional, integrou-se na cerimónia militar comemorativa do 104.º aniversário da GNR, ocorrida a 3 de maio, na Praça do Império, em frente ao Mosteiro dos Jerónimos (Lisboa).

A cerimónia foi presidida por Pedro Passos Coelho, primeiro-ministro, tendo ainda contado com a presença de Anabela Rodrigues, ministra da Administração Interna, e do supracitado comandante-geral da Guarda Nacional Republicana, entre outras ilustres figuras.

O galardão “General Manuel Farinha Beirão” (antigo comandante-geral da

GNR) distingue comandantes de posto que tenham não menos de dez anos de comando e possuam, pelo menos, um louvor do ministro da tutela ou do comandante-geral da GNR. Além destes requisitos, os agraciados têm que ter demonstrado «um comportamento exemplar, espírito de sacrifício, dedicação pelo serviço, impecável correção militar e conduta irrepreensível», de acordo com os fundamentos de atribuição.

Oriundo da Força Aérea Portuguesa, Carlos Codinha foi alistado na Guarda Nacional Republicana a 16 de outubro de 1995. Seria depois colocado, como patrulheiro, nos postos de Vilamoura e Ericeira. De

1999 até 2002, após frequência do Curso de IEEI – Inativação de Engenhos Explosivos Improvisados, ingressa na Equipa IEEI de Coimbra.

Em 2004, após término do 25.º Curso de Formação de Sargentos, Carlos Codinha é colocado no comando do Posto Territorial da Sertã, seguindo-se, um ano depois, o comando do Posto Territorial de Óbidos, onde permaneceu até 20 de agosto de 2013.

Em virtude da promoção a sargento-ajudante, passa a comandar, a partir de então, o Posto Territorial do Cadaval, onde se encontra à data atual.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Colónias de gatos em crescimento no Porto da Nazaré

Os habitantes da Nazaré estão alarmados com o crescimento das colónias de gatos no Porto da Nazaré, falando em “praga” incentivada pelos apreciadores destes animais que “lhes construem abrigos e os alimentam diariamente.” “A situação tem vindo a piorar, com o...

porto da nazare

Walter Chicharro admite suceder a Pedro Machado na Turismo do Centro

O presidente da Câmara Municipal da Nazaré, Walter Chicharro, considera que tem reunidas as condições para ser candidato à presidência da entidade regional de turismo, que irá a eleições em meados do próximo ano. O socialista diz que tem vindo a recolher apoios...

wc