Q

Previsão do tempo

17° C
  • Tuesday 17° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 25° C
17° C
  • Tuesday 17° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 28° C
18° C
  • Tuesday 18° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 28° C

PS Alcobaça não repete votação para a Federação de Leiria

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A concelhia do PS de Alcobaça não repetiu as eleições para a Federação Distrital de Leiria, que deram a vitória a José Miguel Medeiros por sete votos. A Comissão Organizadora do Congresso (COC) mandou que se repetisse o ato, mas os elementos que integraram a mesa eleitoral, os delegados das duas candidaturas e das listas de delegados nas eleições para a federação manifestaram-se “totalmente indisponíveis para a repetição” do sufrágio.

Num documento enviado à COC, António Ascenso, Joaquim Matias, César Santos, António Aniceto, Eugénia Rodrigues e Rui Alexandre alegam que o ato eleitoral decorreu com toda a normalidade, não existindo qualquer fundamento para a sua repetição, considerando ser totalmente válido e conforme.

O antigo governador civil de Leiria José Miguel Medeiros, apoiante de António Costa nas primárias do partido, ganhou as eleições para a Federação Distrital do PS no dia 05 de setembro, derrotando o seu único adversário, António Sales, que expressou apoio ao secretário-geral, António José Seguro.

Contabilizando este resultado, os candidatos que apoiam António Costa às eleições primárias socialistas venceram em 10 das 19 federações.

Cinco dias depois, o presidente da COC, Delfim Azevedo, informou que as eleições iriam ser repetidas nas concelhias de Pombal, Alcobaça e Óbidos.

Segundo Delfim Azevedo, “em Alcobaça havia diferenças nos resultados que fizeram chegar na ata e como, inadvertidamente, tinham destruído os votos, a COC não podia tirar conclusões relativamente às dúvidas suscitadas”.

O presidente da COC afirmou que foi decidido adiar o Congresso da Federação de Leiria do PS, que estava previsto realizar-se no passado sábado na Nazaré, para o dia 25 de outubro.

“O adiamento do congresso prende-se com reclamações/impugnações das duas candidaturas, que estão a ser julgadas pelas comissões de jurisdição distrital e nacional”, justificou o responsável.

Questionado sobre a recusa da repetição do ato eleitoral, Delfim Azevedo declarou que “a COC tem poderes para homologar ou não homologar resultados e, nos casos de não homologação, foi sugerido à Comissão Política da Federação o dia 19 para as eleições, que marcou”.

De acordo com os responsáveis pela condução do processo em Alcobaça, apenas dois militantes foram impedidos de votar, um por ter pago as quotas com uma referência errada e outro por as ter pago no próprio dia da eleição. Em ambos os casos, a decisão de negar a possibilidade de votar foi tomada por unanimidade dos membros da mesa.

O único problema registou-se após a abertura das urnas, quando se verificou a existência de um voto a mais relativamente às assinaturas constantes dos cadernos eleitorais.

Contudo, a mesa e os delegados das duas listas identificaram, de memória, a possibilidade de um dos militantes ter votado sem ter assinado. Assim, de comum acordo e por unanimidade, a mesa e os delegados das duas listas entenderam por bem validar o ato eleitoral, não havendo qualquer reclamação, para além da já mencionada. Os signatários entendem, por isso, que a verdade democrática do ato eleitoral não está em causa.

Assim, neste proposto, a mesa eleitoral e os delegados das duas listas entendem não existir qualquer fundamento para a repetição da eleição, considerando o ato eleitoral realizado totalmente válido e conforme, mostrando-se, por isso, totalmente indisponíveis para a repetição do mesmo, decisão que já foi comunicada à Comissão Organizadora do Congresso.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Oposição unida contra alteração ao Regimento da Assembleia Municipal

A alteração ao Regimento da Assembleia Municipal da Nazaré que estipula o tempo atribuído a cada um dos eleitos gerou controvérsia e precisou do voto de qualidade do presidente daquele órgão para ser aprovado. PSD, CDU e Bloco de Esquerda votaram contra a proposta...

cmn

Gala 30 Anos Jornal das Caldas

A noite de hoje é de festa! Assista em direto à Gala dos 30 anos do Jornal das Caldas, a partir das 20h30.

gala 30anos jornal caldas