Q

Previsão do tempo

16° C
  • Thursday 23° C
  • Friday 27° C
  • Saturday 25° C
16° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 33° C
  • Saturday 29° C
15° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 33° C
  • Saturday 32° C

EM PROL DA DEMOCRACIA

António Salvador

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O descrédito dos partidos do poder é enorme devido à situação a que chegámos e ao facto de muitos verem os lugares da política como uma profissão e uma forma de terem o que nunca teriam (e estamos “cheios deles”!). Por isso a Democracia está em crise. A maior parte dos cidadãos competentes nas suas profissões ou atividades empresariais não quer estar nesses cargos da política por saber o que “por lá anda”. Como os compreendemos… Mas será que temos o direito de não assumir a nossa responsabilidade e deixar que isso aconteça?

Não me parece. Por isso, defendo que os bons cidadãos, competentes e independentes, devem assumir as suas responsabilidades, públicas ou políticas, mas apenas durante algum tempo (concordo com o limite de mandatos nos cargos políticos). E depois venham outros. Afinal, é assim nas associações e organizações da sociedade civil.

Não concordo com os críticos de bancada que, quando o podem fazer, não assumem o seu dever público. Mas, infelizmente, tenho de ser solidário com aqueles que têm medo do poder, pois todos sabemos que, para manter o poder, há quem faça e utilize todos os meios ao seu alcance. Todos!

Chegou o momento de lutar contra isso. É agora. Tem de ser agora e já!

Não podemos adiar o futuro, nosso e dos nossos filhos. Há que chamar pessoas competentes para assumir o papel de gestores públicos, durante algum tempo, cumprindo o seu dever cívico. Depois outros virão.

Dizem que, nas próximas eleições, os eleitores vão estar muito repartidos por existirem muitas listas. Por alguns, pode ser visto como sinal de vitalidade da Democracia porque as pessoas têm mais opções (em quantidade). Por outros, poderá ser visto como sendo apenas “dividir para reinar”.

Para mim, pode significar que há muita gente a querer a mudança! Por isso, assumem o seu papel neste processo.

Fico muito contente por ainda ser possível ter uma equipa com competências, técnicas ou outras, formada por pessoas que estão dispostas a ajudar a população do seu concelho, sobretudo porque, apesar de terem a sua vida organizada e, profissional ou economicamente, serem independentes, estão dispostas a dar do seu tempo para a causa pública e para o bem comum. A estes, o meu bem-haja.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Gala 30 Anos Jornal das Caldas

A noite de hoje é de festa! Assista em direto à Gala dos 30 anos do Jornal das Caldas, a partir das 20h30.

gala 30anos jornal caldas

A Homenagem e o Reconhecimento!

ANTÓNIO TRINDADE é a prova viva de que um Homem pode fazer a diferença, lutando por causas que entende como justas, apoiando os seus e nossos concidadãos às vezes. Tem ajudado sim e, às vezes parecendo estar sozinho…não, vai contando com o apoio de Amigos e de quem...

Espaço Jovem

Há cerca de um ano, Portugal iniciou o seu processo de vacinação para a Covid-19, e com ele foi-nos também inoculada uma falsa esperança de controlo pandémico. Apesar da elevada adesão ao programa de vacinação, que culminou com quase 90% da população vacinada, verificou-se uma democratização do receio de viajar, à exceção dos meses de veraneio, perpetuando, assim, uma situação de grande fragilidade no setor. Uma das consequências mais evidentes desse fenómeno verifica-se na hotelaria, que tem vindo a perder trabalhadores e que, em parte, se deve aos sucessivos avanços e recuos no combate à pandemia, não permitindo a criação de estabilidade e planos a médio e longo prazo.