Q

Previsão do tempo

12° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 16° C
12° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 17° C
13° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 17° C

Época balnear termina com 58 acidentes e três vítimas mortais

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Outono chegou e pôs fim à época balnear que fecha com o registo de três mortes nas praias da Nazaré. Parte dos acidentes verificaram-se quando os turistas se passeavam à beira-mar e foram surpreendidos pela força das ondas e levados para o mar. Outros resultaram do desrespeito pelas regras de segurança e das indicações dadas pelos nadadores-salvadores.

Ao longo da época balnear, que decorreu de 1 de junho a 18 de setembro, o Departamento Marítimo do Centro e a Capitania da Nazaré contabilizaram 58 acidentes com banhistas no mar, de que resultaram três vítimas mortais, duas na Praia do Salgado, em área não vigiada, no dia 21 de agosto, e uma na Praia da Nazaré, no passado dia 11 de setembro, e 15 feridos. Trinta e seis banhistas saíram ilesos dos acidentes que sofreram na praia, graças à intervenção dos nadadores-salvadores. Ao todo, os nadadores salvaram 51 pessoas em risco de afogamento nas praias da região.

Uma das vítimas mortais, um turista alemão, de 68 anos, morreu na praia da Nazaré, vítima de afogamento, a 11 de Setembro.

A vítima passeava junto à água, acompanhado por um amigo, e que “terá sido arrastado por um onda, que o enrolou e posteriormente o atirou para a praia”, informou o comandante da Capitania do Porto da Nazaré, Albuquerque e Silva.

Ainda de acordo com o responsável, o afogamento ocorreu “numa zona não vigiada, entre duas zonas concessionadas, mas a alguma distância de ambas”.

O alerta para os bombeiros foi dado às 13 horas e no local estiveram os bombeiros da Nazaré, elementos da Polícia Marítima e a Viatura Médica de Emergência e Reanimação do hospital de Leiria, cuja equipa “ainda tentou reanimar a vítima, mas sem sucesso”, concluiu o comandante do Porto.

Outros turistas sofreram apenas um valente susto que irão recordar para sempre, como os que foram salvos por Daniel Meco, presidente da Associação de Nadadores-Salvadores na passada segunda-feira, 17 de setembro, um dia depois de terminar a época balnear. Três pessoas, duas portuguesas e uma francesa, escaparam com vida, do mar.

Os turistas foram surpreendidos pela rebentação do mar na praia da Nazaré e levados pelo mar.

Eram cerca de 15h00 quando Daniel Meco decidiu efetuar uma ronda pelo areal, em moto4, quando se deparou com duas situações de perigo, a primeira das quais a cerca de 500 metros de distância.

Ao dirigir-se para o local constatou que a cerca de 150 metros de distância havia outro caso de uma pessoa também arrastada pelas ondas.

Enquanto assistia a um dos banhistas em perigo, outros dos que se encontravam em dificuldades eram salvo por um antigo nadador-salvador, que se encontrava na praia.

E foi nessa altura de socorro que Daniel Meco verificou que na água já estava um jovem, também ele em dificuldades. Ambos foram resgatados.

Uma das vítimas, uma octogenária (84 anos), de nacionalidade francesa, foi retirada do mar inconsciente, por ter entrado em “paragem cardiorrespiratória.

As manobras de suporte básico de vida foram efetuadas no areal da praia, e com a ajuda de uma socorrista, que se encontrava no local, e se ofereceu para ajudar.

A mulher de 84 anos foi depois transportada pelos Bombeiros da Nazaré para o Hospital de Alcobaça, onde ficou internada, enquanto as outras duas vítimas, de 68 e 25 anos receberam alta, logo depois de terem sido assistidas. Para além dos bombeiros, presentes com cinco viaturas e 11 elementos, no local também estiveram a VMER de Caldas da Rainha, a Polícia Marítima e a PSP.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara investe na Arborização do Parque da Pedralva

A empreitada de arborização de uma área de 2,52 ha do Parque da Pedralva teve início na semana passado e representa um investimento que totaliza os 81.730,45 €. O plano de arborização surge no âmbito da candidatura ao Aviso n.º 11/REACT-EU/2021 – (Re) Arborização...

pedralva