Q

Previsão do tempo

17° C
  • Sunday 16° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 13° C
17° C
  • Sunday 16° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 14° C
17° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 14° C

GACOeste disponibiliza perto de milhão de euros para projetos de criação de oportunidades

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Abre esta semana a segunda edição de concursos do GACOESTE – Grupo de Ação Costeira do Oeste, que disponibiliza cerca de 954 mil euros para o apoio a projetos que se insiram nos eixos contempladas por esta nova fase de financiamentos, no âmbito do eixo 4 do PROMAR. O prazo para a apresentação de candidaturas abre já no dia 23 de maio, quarta-feira.
Abre esta semana a segunda edição de concursos do GACOESTE

De 23 de Maio a 6 de Julho devem ser formalizadas as candidaturas de projectos que visem a “Recuperação e modernização de pequenas infraestruturas e equipamentos de apoio à pesca artesanal, atividades marítimo-turísticas e de ecoturismo; Diminuição dos impactes ambientais da pesca; Introdução de práticas e artes de pesca inovadoras e ambientalmente sustentáveis; Certificação de produtos, empresas e processos produtivos da pesca; Promoção e valorização gastronómica dos produtos da pesca; Criação de postos de venda e promoção de atividades marítimo-turísticas e de ecoturismo”.

De 28 de maio a 6 de julho, devem ser formalizadas as candidaturas de projectos relativos às ações de “Instalação de novas empresas, dedicadas à oferta de atividades e serviços inovadores e alternativos, ligados à pesca e ao mar e Formação para a qualificação profissional”.

E, finalmente, de 28 de maio a 13 de julho podem ser apresentadas as candidaturas aos fundos disponibilizados pelas acções de “Recuperação do património material e simbólico da pesca do Oeste e Implementação de uma rede regional de equipamentos e serviços sociais de proximidade”.

A primeira edição dos concursos disponibilizou cerca de 2 milhões. Foram apresentadas 33 candidaturas, tendo 28 dos projetos sido aprovados.

No sábado, 19 de maio, durante a apresentação desta nova fase de candidaturas, que decorreu nas instalações do IPTM, no Porto de Abrigo, a ADEPE deu, ainda, a conhecer alguns dos projectos financiados pela primeira edição, e que podem servir de inspiração para os potenciais a esta nova fase, cujo prazo de candidaturas abre durante esta semana.

Rogério Cação, da ADEPE, disse que «a primeira fase das candidaturas teve como particularidades a diversidade de projetos e de promotores».

«Para esta segunda fase de candidaturas esperamos manter e aprofundar esta qualidade de candidaturas», disse Rogério Cação, esperando, também, que mais jovens e empreendedores façam as suas propostas de criação de novas oportunidades de emprego, pois, «na primeira fase, foram, maioritariamente os empresários já instalados que se candidataram, com vista a diversificarem a sua oferta».

Um Site com informações marítimas; um Centro de Recursos Documental e Etnográfico do litoral oeste; Requalificação do Museu Municipal de Peniche; Aquisição de Equipamentos de Mergulho para a prestação de serviços, designadamente resgate de embarcações; projectos de investigação para a indústria farmacêutica, como o do “Pilado ADD Value” (IPL), ou para contributos futuros de uma pesca sustentável, como o “Percebe da Berlenga”, foram algumas das ideias financiadas durante a primeira fase dos concursos.

Para mais informações ou formalização das candidaturas, os interessados devem consultar o site da ADEPE – Associação para o Desenvolvimento de Peniche: www.adepe.pt.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Maçã de Alcobaça apresentou-se na Feira Fruit Attraction em Madrid

Feira Fruit Attraction, um dos maiores certames de marketing de produtos agrícolas (frutas e vegetais) do mundo, decorreu no pavilhão da IFEMA Madrid, de 4 e 6 de outubro, e Alcobaça esteve presente com um dos seus produtos frutícolas de marca. O evento contou com...

anexo sem nome 00056

Trabalhadores dos rebocadores costeiros veem as suas pensões repostas

Trabalhadores dos navios rebocadores costeiros viram as suas pensões suspensas durante cerca de dois anos devido a uma reinterpretação da Lei. Para além da suspensão, o Centro Nacional de Pensões impunha a reposição das pensões auferidas nos dois últimos anos....

rebocador 1