Q

Previsão do tempo

14° C
  • Tuesday 19° C
  • Wednesday 19° C
  • Thursday 20° C
14° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 24° C
  • Thursday 24° C
14° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 25° C
  • Thursday 25° C

Noites feias

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
José ConstantinoMarítimoComo de costume, e repetindo um ritual de muitos anos, tenho saído à noite aos fins-de-semana, na Nazaré. Cada vez o faço com menos vontade. Não que eu tenha perdido o gosto por sair, mas porque a noite nazarena bateu no fundo! Mais baixo do que está é impossível. Bares são muito poucos e […]

José ConstantinoMarítimoComo de costume, e repetindo um ritual de muitos anos, tenho saído à noite aos fins-de-semana, na Nazaré. Cada vez o faço com menos vontade. Não que eu tenha perdido o gosto por sair, mas porque a noite nazarena bateu no fundo! Mais baixo do que está é impossível. Bares são muito poucos e os que existem sofreram com a concorrência feroz dos cafés que, de manhã são pastelarias, ao almoço são misto de café e restaurante e, à noite tornam-se bares e discotecas, chegando por vezes, a fechar mais tarde que muitas delas.

Em Espanha, a partir de uma certa hora os cafés fecham e os próprios proprietários incentivam os clientes a irem para os bares nocturnos e discotecas. Isso faz bem à noite! É um aborrecimento passar um sábado de manhã no café, à tarde voltar ao mesmo café e acabar a noite no mesmo café. É demais! Faz com que as pessoas percam a vontade de sair à noite. Sair para ter mais do mesmo.Isto é só uma parte do problema. Sábados de karaoke! Quem sai um sábado à noite para ouvir sempre as mesmas pessoas cantarem músicas horríveis, num ambiente horrível? Ainda se usa karaoke? E porque não fazer um sábado diferente? Com outra música?E o problema da “criançada”! Os bares tornam-se verdadeiras creches, e essa mesma “criançada”, sem idade para frequentar a noite, quanto mais consumir álcool como consomem, afasta o público mais adulto, quem quer estar num bar cheio de teens? Só mesmo os teens. Depois andamos nisto, os bares dizem que sem os adolescentes estão vazios e os adultos dizem que não saem à noite, porque não se querem misturar com eles. E as coisas entretanto vão piorando. Para os adolescentes qualquer coisa serve. Para eles, como é normal, o interessante é sair. Para um adulto minimamente exigente o caso muda de figura.A qualidade dos bares e muito baixa, a música então… A falta de transporte nocturno é um impeditivo enorme. Não entendo como os donos dos bares não se preocupam com isso! Porque não existe um serviço de táxis nocturno? Não será melhor pagar 4 a 5 euros para ser conduzido a casa seguramente, do que arriscar a perder a carta de condução? Afinal mora quase toda a gente na parte de cima da Nazaré. Porque não se reúnem os donos dos bares? Porque não fazem uma associação, por exemplo? Nunca vai haver união nesta terra? Deixem as coisas continuarem como estão, e nós vamos perdendo a vontade de sair! Só aumentam o preço a qualidade diminui.Pede-se um cocktail e nada. Nem caipirinhas já servem por nunca terem limas. Mojitos ninguém faz porque nunca têm hortelã. São pequenos exemplos como estes.Se as pessoas estão a deixar de frequentar os bares o problema não é das pessoas, é dos bares. É necessário cativar o público para frequentar a noite nazarena de novo. Façam noites temáticas, cada bar com a sua, por exemplo. Explorem outras sonoridades. Não façam é daquelas festas tipo noite da caipirinha, mas que o DJ só passa tecno e música hispânica. Façam as coisas com amor. Surpreendam-nos! Juntem-se e arranjem soluções entre todos. Se não o fizerem, menos gente sai, e os que saem, e cada vez são mais os que fazem isso, vão para fora da Nazaré curtir a noite.É que a noite aqui bateu no fundo. Está feia!

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Prémios Vinhos de Portugal 2024 realizado em Alcobaça

Ministro da Agricultura marcou presença no evento que decorreu em hotel de luxo da cidade O Montebelo Mosteiro de Alcobaça Historic Hotel foi, no passado dia 3 de maio, o local escolhido para a realização da cerimónia de entrega dos prémios aos vencedores da 11º...

concurso de vinhos portugueses

Ampliaqua instala-se com inovação e investigação no Porto da Nazaré

A maior unidade de aquaponia do país que combina aquacultura e hidroponia livre de produtos químicos A AmpliAqua®️, uma empresa inovadora no campo da aquacultura, que combina aquacultura e hidroponia de forma sustentável, anunciou, em abril, a sua instalação no...

Ampliaqua