Q

Previsão do tempo

18° C
  • Wednesday 19° C
  • Thursday 20° C
  • Friday 22° C
19° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 27° C
27° C
  • Wednesday 25° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 29° C

O grande embuste

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Eu pescador me confessoArmamdo LopesQuando assumiu a liderança parecia querer moralizar o partido. Não só o partido mas toda a política. As suas intervenções iam nesse sentido e eram convincentes. De tal forma que foram suficientes para mobilizar os militantes. Chegaram mesmo a sensibilizar alguns adversários. Levando-os a acreditar que uma pessoa tão experiente, tão […]

Eu pescador me confessoArmamdo LopesQuando assumiu a liderança parecia querer moralizar o partido. Não só o partido mas toda a política. As suas intervenções iam nesse sentido e eram convincentes. De tal forma que foram suficientes para mobilizar os militantes. Chegaram mesmo a sensibilizar alguns adversários. Levando-os a acreditar que uma pessoa tão experiente, tão cuidadosa e com tanto bom senso, nunca seria capaz de um comportamento aviltante ou de uma falsidade.

No entanto, os dias foram-se sucedendo, uns atrás dos outros. As lutas internas, o jogo de interesses, o pagamento de apoios e amizades, começaram a cobrar o seu preço. Surgiram as primeiras clivagens, as primeiras quezílias, as primeiras fraquezas. Trazendo com elas as cedências, os compromissos, as contradições e as incoerências. O rigor e os princípios dissiparam-se. Inevitavelmente, também a autoridade moral.Os maus resultados eleitorais para a câmara de Lisboa foram apenas a parte visível de uma estratégia viciada. A consequência lógica de um comportamento impostor. Assumido com a ilusória aparência de um acto de coragem mal sucedido. Que nunca houve. Porque ninguém se lembrava já que tinha sido sua a escolha da anterior equipa autárquica. Ninguém se lembrava já da sua intervenção directa em actos de gestão do município ou da nomeação pessoal de gestores para empresas municipais. Povo de fraca memória!…Derrubar a câmara foi considerado um acto de bravura e dignidade. Transformou o dr. Marques Mendes num herói. Quase toda a gente lhe elogiou a audácia e a ousadia. Apenas porque fez o óbvio e inevitável. Porque corrigiu a sucessão de erros acumulados. Tardiamente. E, ao fazê-lo, escamoteou as suas responsabilidades. Não assumiu o passado nem as consequências das suas decisões. Recandidatou-se: puro, inocente e incólume. Como se, sem crime nem castigo, tudo se tivesse evaporado, diluído no tempo…O seu processo de candidatura à nova liderança do partido tem sido escandaloso. Pela forma como o tem conduzido e pelos estratagemas que tem utilizado, na tentativa de prejudicar o seu principal adversário directo. A sua participação na Festa do Chão da Lagoa foi um acto de indignidade inclassificável. Pelo discurso bajulador, pelo oportunismo e pela subserviência. A falta de rigor e a baixeza política não lhe conferem qualquer margem de credibilidade no futuro.Que garantias, então, pode dar um homem destes? Como é possível confiar na sua conduta, para assumir o cargo de primeiro-ministro em 2009?… Será que, para pior, não basta assim?…

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Prémios Vinhos de Portugal 2024 realizado em Alcobaça

Ministro da Agricultura marcou presença no evento que decorreu em hotel de luxo da cidade O Montebelo Mosteiro de Alcobaça Historic Hotel foi, no passado dia 3 de maio, o local escolhido para a realização da cerimónia de entrega dos prémios aos vencedores da 11º...

concurso de vinhos portugueses

Idoso detido por agressão a polícias

Um homem, de 70 anos, foi detido em flagrante pela Polícia de Segurança Pública (PSP) pelo crime de resistência e coação sob funcionário, depois de ter agredido, ameaçado e injuriado dois agentes da esquadra da Nazaré, no passado dia 5 de maio. De acordo com o...

Arte Xávega regressa para reavivar o património [vivo] do concelho

A herança cultural é recriada para mostrar como era a vida piscatória antes do Porto A recriação da pesca artesanal “Arte Xávega" está de volta ao areal da Praia da Nazaré por iniciativa do Rancho Velha Guarda do Folclore da Nazaré, com o apoio do Município, aos...

arte xavega