Q

Previsão do tempo

17° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 17° C
  • Tuesday 19° C
17° C
  • Sunday 18° C
  • Monday 19° C
  • Tuesday 22° C
18° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 25° C

Câmara de Alcobaça fecha 2022 com resultado positivo de 1,1 milhões de euros

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O relatório de gestão Câmara de Alcobaça, que regista um resultado líquido positivo de 1,1 milhões de euros, foi aprovado na Assembleia Municipal, no passado dia 26 de abril.

O relatório de gestão Câmara de Alcobaça, que regista um resultado líquido positivo de 1,1 milhões de euros, foi aprovado na Assembleia Municipal, no passado dia 26 de abril.

O orçamento de 2022 era de 53,9 milhões de euros. A Câmara obteve rendimentos de 41 milhões de euros (mais 664 mil euros comparativamente a 2021), mas aumentou os gastos em 2,1 milhões de euros (totalizando os 39,9 milhões de euros), tendo o resultado liquido do exercício finalizado, ainda assim, com 1,1 milhões de euros.

O relatório de gestão disponibilizado pela Autarquia revela que as verbas traduzem um aumento de 7,35% nas receitas correntes e 5,8% nos gastos correntes do município.

Do lado dos rendimentos, 48% dizem respeito a rendimentos operacionais (19,6 milhões de euros), 42% a transferências e subsídios (17 milhões de euros) e 10% a outros rendimentos (4,3 milhões de euros).

“Quase todas as componentes dos rendimentos apresentam variações positivas”, lê-se no documento, sendo que as maiores subidas se situam nos impostos (42%), com a autarquia a arrecadar 17.270.095 euros, mais 2,6 milhões de euros do que em 2021.

A subida é explicada “essencialmente, ao aumento dos rendimentos relativos ao imposto municipal sobre as transmissões onerosas de imóveis (IMT) e derrama”.

A receita de IMT ascendeu a cerca de seis milhões de euros, que se traduz num acrescimento de 1,6 milhões de euros (10%) relativamente a 2021.

A derrama teve um acréscimo de 36 arrecadada em 2022, comparativamente à do ano de 2021, enquanto as transferências e subsídios, que totalizaram 17.088.200 euros, foram o segundo maior contributo para o rendimento, também com um peso de 42% no orçamento.

Do lado da despesa, os fornecimentos e serviços externos (13,2 milhões de euros) e os gastos com o pessoal (12 milhões de euros) mantém-se como as rubricas de maior peso.

As despesas com pessoal aumentaram 903 mil euros, devido ao “aumento de número de funcionários (…) pelo incremento de pessoal que foi transferido para os quadros do município por via da descentralização de competências da Educação”, diz o relatório.

Sobre as grandes Grandes Opções do Plano (GOP), no final de 2022, a despesa realizada atingiu os 35,12 milhões de euros, equivalendo a uma execução de 53,75%. Do total previsto para aquele ano, ficaram por executar 24,9 milhões de euros.

Em 2022, o passivo da autarquia situou-se nos 27 milhões de euros, apresentando um acréscimo de 1,8 milhões de euros em relação ao ano anterior e sendo constituído em 8,4% por passivo não corrente e em 19,59% por passivo corrente.

A dívida a terceiros de médio/longo prazo está em 375 mil euros, o que significa uma diminuição de 104 mil euros face a 2021, ao passo que a dívida a terceiros de curto prazo (dívida de fornecedores e outras contas a pagar) subiu 380 mil euros comparativamente ao ano anterior.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Prémios Vinhos de Portugal 2024 realizado em Alcobaça

Ministro da Agricultura marcou presença no evento que decorreu em hotel de luxo da cidade O Montebelo Mosteiro de Alcobaça Historic Hotel foi, no passado dia 3 de maio, o local escolhido para a realização da cerimónia de entrega dos prémios aos vencedores da 11º...

concurso de vinhos portugueses

Regulamento da ALEB apresentado na Junta de Freguesia da Benedita

A apresentação da versão final do regulamento da Área de Localização Empresarial da Benedita, que já contempla já os contributos prestados pelos membros da assembleia de freguesia, que marcaram presença na reunião de câmara descentralizada, do passado dia 21 de...

aleb