Q

Previsão do tempo

22° C
  • Tuesday 18° C
  • Wednesday 19° C
  • Thursday 16° C
22° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 17° C
24° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 21° C
  • Thursday 17° C

Nazaré e Castanheira de Pera cooperam para manutenção de tradições

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
As Câmara de Castanheira de Pera e da Nazaré irão colaborar na preservação do barrete preto, um acessório do traje tradicional masculino nazareno. “O nosso objetivo é divulgar o saber fazer e promover esse património por forma a que se mantenha por muito tempo. Vir à Nazaré, e ter este acolhimento, é muito importante. Queremos […]

As Câmara de Castanheira de Pera e da Nazaré irão colaborar na preservação do barrete preto, um acessório do traje tradicional masculino nazareno.

“O nosso objetivo é divulgar o saber fazer e promover esse património por forma a que se mantenha por muito tempo. Vir à Nazaré, e ter este acolhimento, é muito importante. Queremos juntar o saber fazer com a utilização e os costumes”, explicou António Henriques.

É em Castanheira de Pera que ainda se fazem os barretes dos campinos e dos pescadores, e o autarca daquele concelho, anda a fazer uma ronda de contactos com autarquias, onde este acessório é uma imagem de marca dos trajes tradicionais, para estabelecer parcerias que preservem o “saber fazer” de um território, onde durante décadas se viveu da indústria de lanifícios, que entrou em declínio depois de 1980, levando ao encerramento de várias fábricas.

“O barrete tem um papel fundamental na vida e história do traje da Nazaré. Teremos esta parceria, ainda sem uma amplitude definida, o que acontecerá a breve prazo, integrada num movimento com mais localidades onde ele se usa,” disse Walter Chicharro, Presidente da Câmara da Nazaré.

Atualmente, apenas a oficina de José Augusto Tavares (Jotav) prepara a lã para a confeção dos tradicionais barretes que os ranchos folclóricos e grupos de forcados utilizam.

Para assegurar a preservação da tradição, a Câmara de Castanheira de Pera pretende que o fabrico do barrete de lã seja incluído no inventário nacional de património imaterial. Para além dessa classificação, anunciou em 2022 a pretensão de criar o Museu do Barrete, que será instalado numa antiga fábrica (em Sarnadas), propriedade da autarquia. Ambas visam preservar a memória do passado recente do concelho e criar um produto turístico.

Esta marca identitária, ainda muito usada na Nazaré pelos ranchos e em períodos festivos, como as procissões ou o carnaval, serviu, noutros tempos, de agasalho, e de algibeira para o tabaco, fósforos/isqueiro e dinheiro.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Walter Chicharro renunciou ao cargo de Presidente de Câmara

Manuel Sequeira assume a presidência da Autarquia até ao final do mandato [2021-2025] Walter Chicharro dirigiu-se, no passado dia 24 de março, aos munícipes para comunicar a sua renuncia ao cargo de Presidente de Câmara, para o qual foi eleito nas Autárquicas de...

walter

Salvador Formiga inicia mandato de vereador com compromissos

Com o fim do governo de António Guterres, Salvador Formiga abandonou o Parlamento de Lisboa e regressou à Câmara da Nazaré para desempenhar as funções vereador eleito nas listas do PS. Na sua primeira reunião, dirigiu-se aos munícipes com uma declaração pública...

formiga