Q

Previsão do tempo

17° C
  • Sunday 16° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 13° C
17° C
  • Sunday 16° C
  • Monday 15° C
  • Tuesday 14° C
17° C
  • Sunday 17° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 14° C

Maior rede de tráfico de droga do Oeste foi desmantelada pela GNR

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Núcleo de Investigação Criminal de Caldas da Rainha da GNR deteve quatro homens e três mulheres que ligados à “maior rede de tráfico de droga da região Oeste”, liderada por um casal de Rio Maior, numa operação em que foram apreendidos mais de cem mil euros em estupefacientes. “A investigação da GNR decorria há […]

O Núcleo de Investigação Criminal de Caldas da Rainha da GNR deteve quatro homens e três mulheres que ligados à “maior rede de tráfico de droga da região Oeste”, liderada por um casal de Rio Maior, numa operação em que foram apreendidos mais de cem mil euros em estupefacientes.

“A investigação da GNR decorria há cerca de um ano, tendo apurado que os suspeitos operavam em rede e que comercializavam a droga nos concelhos de Alcobaça, Bombarral, Caldas da Rainha, Óbidos, Porto de Mós e Rio Maior”, revelou o capitão Diogo Morgado, comandante do Destacamento Territorial de Caldas da Rainha.

Aos detidos, com idades entre 21 e 65 anos, juntaram-se outros quatro homens e uma mulher, com idades entre 31 e 47 anos, alguns dos quais também com antecedentes criminais por tráfico de estupefacientes, furto e roubo, que foram constituídos arguidos.

Na sequência de quatro mandados de detenção e 64 mandados de buscas, das quais 17 domiciliárias e 47 em veículos, terrenos, estabelecimentos e armazéns, foram apreendidas na passada quarta-feira 18.581 doses de heroína, 4.610 doses de cocaína e duas doses de haxixe, e ainda vinte comprimidos de metadona, produto de corte, cinco balanças de precisão, 17 veículos e 17.285 euros provenientes do tráfico. Não foram detetadas armas.

Para além do Destacamento Territorial de Caldas da Rainha a operação contou também com elementos do Destacamento de Intervenção de Leiria, do Grupo de Intervenção e Ordem Pública, e do Grupo de Intervenção Cinotécnico da Unidade de Intervenção da GNR, e da PSP.

Quatro dos detidos vão ser presentes a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Leiria para aplicação das medidas de coação. Os restantes ficaram em liberdade a aguardar o desenvolvimento do processo judicial.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Alcobacense Churky participa no Festival da Canção 2023

O Músico Churky, de Alcobaça, é um dos novos valores da música portuguesa que está entre os 20 autores selecionados para a edição de 2023 do festival da Canção. Há mais dois nomes do distrito de Leiria que participam, os Dankunsportif  de Peniche e  Inês...

chuky 1

Timorenses acolhidos por Alcobaça aguardam ofertas de emprego

40 migrantes de nacionalidade timorense foram alojados na Pousada da Juventude de Alfeizerão, em Alcobaça. “São na maioria jovens entre os 20 e os 30 anos, que vieram encaminhados pela Segurança Social de Leiria”, segundo o presidente da Câmara de Alcobaça,...

Um casal fez-se passar por oficiais da GNR já foi detido

Um homem com 34 anos e uma mulher de 38 anos de idade, residentes na Benedita, foram detidos pela PSP de Leiria, no passado dia 24 de outubro, pela prática dos crimes de abuso de designação, sinal ou uniforme. O casal andaria a fazer-se passar por Oficiais da GNR,...

casal