Q

Previsão do tempo

15° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 22° C
  • Friday 25° C
15° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 29° C
15° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 28° C

Nazaré Marés de Maio de 22 de Abril a 11 de Junho

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O Nazaré Marés de Maio é um evento que se realizará na Nazaré, de 22 de Abril a 11 de Junho, coordenado por um Grupo de Trabalho constituído por Cecília Louraço e Sara Vidal (Casa do AdroAssociaçãoCultural), Manuel Sequeira (Município da Nazaré), Dóris Santos (Museu Dr. Joaquim Manso– Museu da Nazaré), Susete Cardoso (Externato Dom Fuas Roupinho), Graciano Dias (ACISN Associação Comercial, Industrial e de Serviços da Nazaré), João Delgado (Mutua dos Pescadores), EugénioCouto e Ângelo Godinho (Liga dos Amigos da Nazaré), João Simãozinho (Confraria de NossaSenhora da Nazaré) e Rui Gerardo.

O Nazaré Marés de Maio é composto por 28 iniciativas que tem por objetivo central a promoção cultural, artística, gastronómica, turística, de sensibilização ambiental e comunidade escolar, identitária do concelho da Nazaré, tendo como elemento aglutinador e denominador comum a todas as iniciativas e áreas a abordar e a desenvolver – o MAR

Porquê o Mar?

Nenhum outro elemento da natureza como o Mar, tem um peso tão acentuado na forma como moldou as características dos habitantes do concelho, mesmo nas freguesias rurais, ainda que, naturalmente, com um peso diferente em relação aos habitantes da sede de concelho. O Mar é elemento transversal, não só ao concelho da Nazaré como a toda a região. Melhor dizendo, o Mar, não é só símbolo do concelho ou da região, é, porventura, o principal símbolo nacional, deste país atlântico, com uma costa extensa em que o Mar é elemento de ligação de povos, regiões, cruzador de culturas, fomento de riqueza e de uma particular forma de estar que nos identifica. O Mar como nenhum outro elemento da natureza moldou o território, a nossa cultura, os nossos hábitos alimentares, os nossos ritmos de vida, deu-nos oportunidades e também profundas tristezas.

Porquê Marés?

MARÉS pela sua simbologia enquanto fenómeno natural regular de esvaziamento / enchimento / transformação que influencia e é determinante para uma maior ou menor oportunidade de sucesso da atividade humana.

Porquê Maio?

Em Maio, dever-se-á captar os visitantes e dar-lhes motivos e condições únicas para voltarem várias vezes ao ano. Num concelho em que o turismo assume uma relevância cada vez maior, serão os seus aspetos diferenciadores e absolutamente inimitáveis que permitirão, a um concelho com estas características, assumir a sua marca e a sua natureza, como mais-valias de peso que conduzirão ao seu desenvolvimento sustentado e sustentável.

Programação de “Marés de Maio”

De mar A mar

Sequência de imagens reais e/ou documentais de factos históricos, que expliquem e/ou identifiquem a evolução morfológica da zona em que a Pederneira/Nazaré se foi implantando e das características sociológicas da sua população,desde os povoamentos mais antigos até à atualidade.

Como objetivos, a Casa do Adro– associação cultural pretende relevar a linha de continuidade desse processo evolutivo estabelecendo ligação física, psicológica e consequentemente identitária, entre o antigo porto da Pederneira da antiga Lagoa e a atualidade, com o atual Porto de Abrigo.

Esta sequência será servida por um texto explicativo sucinto, acessível e rigoroso,com uma componente estética, a partir de textos científicos e/ou literários e do texto do Foral quando justificado.

Local: Antiga Casa da Câmara (Pederneira)

Data de Realização 21 de Maio

Moda na Areia

IIª Desfile de Moda dos Associados da Acisn.

(Comércio de Vestuário de Criança e Adulto)

Local: Passadiço do Museu do Peixe Seco, no areal da Nazaré

Empresas associadas no desfile:Kidsy, Papagaio Louro, Dormodas, Casa Cláudia, Dona Preta, Crossover, Lanidor Woman

Data de realização 28 de Maio

Perspetivas d’O Sítio

Representação do espaço urbano da Nazaré com trabalhos dos alunos do 10.º Ano do Curso de Artes Visuais, apresentando lado a lado fotografias do acervo do Museu e os trabalhos realizados pelos alunos.

Local | Museu Dr. Joaquim Manso Inauguração I 18 de maio

INTEGRADA no DIA INTERNACIONAL dos MUSEUS

Data da realização 18 a 31 de Maio

Nazaré-Festa de Filmes do Mar

organização Casas do Quico, Museu Dr. Joaquim Manso-Museu da Nazaré, mutua dos Pescadores

Descrição: Mostra de filmes sobre o Oceano, conjugando-a com a re-exibição de filmes antigos com a apresentação de filmes recentes sobre a relação do Homem com o Oceano

Data de Realização 26 e 27 de Maio

Perspetivas d’O Sítio

Organização Externato Dom Fuas Roupinho e Museu Dr. Joaquim Manso-Museu da Nazaré

Descrição: Exposição – representação do espaço urbano da Nazaré com trabalhos dos alunos do 10.º Ano do Curso de Artes Visuais, apresentando lado a lado fotografias do acervo do Museu e os trabalhos realizados pelos alunos.

Museu Dr. Joaquim Manso – Museu da Nazaré

Data de Realização 18 a 31 de Maio

“Danças que falam do Mar”

“O Museu Dr. Joaquim Manso apresenta no Centro Cultural da Nazaré a exposição Danças que falam do mar”, com inauguração no dia 22 de abril, pelas 15h30.

Esta é uma exposição centrada na tradição musical da Nazaré, nomeadamente nos grupos folclóricos que têm feito a sua história popular desde o início do século XX até à atualidade, patenteando como as suas danças e letras traduzem a relação identitária da região com o Mar.

Serão exibidos elementos do acervo documental, fotográfico, videográfico, etnográfico e artístico do Museu Dr. Joaquim Manso, bem como objetos e documentação cedidos pela comunidade e pelos vários grupos folclóricos da Nazaré.

Organização: Museu Dr. Joaquim Manso-Museu da Nazaré

Data de Realização 22 de Abril a 21 de Maio

Ilustração de um conto

Uma História sobre Associativismo Ilustrada pelos alunos do 5º e 6º Ano da Escola Amadeu Gaudêncio

Local: Gare Superior do Elevador

Inauguração: 8 de Maio

Data da realização 8 A 21 de Maio

O Mar na Literatura

Organização Biblioteca da Nazaré

Descrição:Conferência seguida de debate com a intervenção de 3 escritores – Jaime Rocha, João de Melo e m.parissy, realização 5 de Maio, 21H30 Entrada Livre

Local Centro Cultural da Nazaré

Data de Realização 22 de Abril a 21 de Maio

Ver para Acreditar!

Organização Associação Portuguesa de Lixo MarinhoDescrição: Sensibilização ambiental+ limpezas nas 4 praias locais e porto da Nazaré (com as escolas). Envolver a comunidade escolar na recolha e com lixo local construir 5 peças com resíduos da praia recolhidos pelos alunos

Entrada Livre

Local Centro Cultural da Nazaré

Data de Realização 24 de Maio a 11 de Junho

O amor do Zé Órega e Inês

Descrição: Espectáculo de teatro com amadores de teatro do concelho a partir da novela de Branquinho da Fonseca “Mar Santo”. Obra de uma grande liberdade formal e de um lirismo inigualável, “Mar Santo” desenha um mosaico de figuras nazarenas duma grande beleza, atravessadas todas pela dureza da vida do mar no final dos anos 30 do século passado. Para além da concepção e encenação do espectáculo, da responsabilidade de Luís Varela, o trabalho de cenografia, iluminação, sonoplastia e vídeo será assessorado por profissionais, não dispensando todas as competências locais existentes nessas áreas e em outras que o espetáculo venha a solicitar, designadamente nas áreas da História e da Antropologia.Homenagear, na forma de um espectáculo de teatro, um dos grandes escritores e artistas do século XX que se interessaram pela Nazaré e dedicaram muita da sua capacidade de intervenção cívica à melhoria das condições de vida do povo nazareno. (Branquinho da Fonseca, que exerceu funções de Coservador do Registo Civil da Nazaré entre 1937 e 1940, foi o grande impulsionador da criação duma biblioteca pública de que é herdeira hoje a Biblioteca da Nazaré.)

Local Cine Casino Paraíso

Data de Realização – 26 e 27 de Maio e 2 e 3 de Junho

Pintar as Palavras

Organização Casa do Adro-Associação Cultural e Associação Recreativa Pederneirense

Descrição: Concurso de ilustração de textos literários em que se pretende divulgar a literatura junto da população juvenil, desenvolver/alargar os recursos de expressão e comunicação e estimular a criatividade e originalidade

Local Antiga Casa da Câmara e Estabelecimentos de Ensino

Data de Realização 2 e 4 de Maio

“Mar Santo”

Exposição sobre a novela «Mar Santo» e de homenagem ao seu autor Branquinho da Fonseca, um dos fundadores da Biblioteca da Nazaré.

Local Cine-Teatro Nazaré

Data da Realização 26 de Maio a 3 de Junho

Teatro – “Pelos que Andam sobre a água do Mar”

Partindo do livro de Raul Brandão e do trabalho de pesquisa junta das comunidades presentes em ‘Os Pescadores’, este espetáculo pretende refletir e homenagear as várias gerações de homens e mulheres que fizeram do mar a sua vida.

“E aí vem o saco pela areia acima entre os gitos e o derradeiro esforço das mulheres, dos homens, do pequeno que mal chega à corda já entregue às mãos rudes que o hão-de afeiçoar, da rapariga com o filho seguro pelo xaile, e do velho desdentado, que já não pode mais e enterra os pés na areia – três figuras para um grupo de trabalho, todas três dobradas a arrastar a mesma cruz da vida.”

(Nazaré, 1923)

2017 – ANO DE COMEMORAÇÃO DOS 150 ANOS DO ESCRITOR

Teatro Chaby Pinheiro—Sitio da Nazaré

Data de Realização 28 de Maio

EURO WINNER’S CUP NAZARÉ 2017

Organização Beach Soccer Worldwide e Municipio da Nazaré

Descrição: A Taça dos Vencedores da Europa faz com que as melhores equipas, tanto masculinas como femininas, de toda a Europa batalhem para serem coroadas campeãs continentais, sendo a competição deste ano, incluindo jornadas preliminares para alguns lugares adicionais na competição principal, tornando-se a maior Euro Winners Cup realizada até à data.

Local Parque de jogos da praia da Nazaré

Data de Realização 26 de Maio a 4 de Junho

Mãos ao Lixo Marinho

Ações de limpeza do areal das praias do Norte, da Nazaré, do Sul e do Salgado assim como margens do canal do Porto da Nazaré.

A primeira ação realizar-se-á a 13 de Maio integrado no DIA EUROPEU de ACÃO DE LIMPEZA

«VAMOS LIMPAR A EUROPA» e as seguintes em Junho e Setembro de 2017 e Março e Abril de 2018.

Data da realização 13 de Maio

A Economia Social e o Mar

Organização Mutua dos Pescadores

Descrição: Debate sobre a relação da Economia Social e o Mar. Desta forma, pretendemos suscitar a discussão relativamente ao peso das Cooperativas, Associações de Armadores, Clubes Nauticos/Navais, Associações Comerciais, o papel das autarquias, entre outros, na promoção do Mar enquanto activo estratégico para o desenvolvimento económico, social e cultural de um país como Portugal. Esta actividade será antecedida de um momento cultural, com a actuação do coro da Mútua dos Pescadores.

Local Auditório da Biblioteca Municipal da Nazaré

Data de Realização 11 de Maio, 15 horas

Segurança no Mar

Organização FOR-MAR Centro de Formação Profissional das Pescas e do Mar

Descrição: Workshops sobre segurança no mar, que contará com o apoio da embarcação escola “TELLINA” e terá como destinatários: a comunidade marítima, comunidade escolar e o publico em geral. Esta atividade decorrerá na zona do Porto da Nazaré e envolverá os meios ajustados, por exemplo: jangadas pneumáticas, pirotécnicos etc…

Local Porto da Nazaré

Data de Realização A definir

Show Cooking

Workshop promovido pela Escola Profissional da Nazaré

Data de Realização 5 de Maio

Semana Gastronómica

Mostra gastronómica em diversos restaurantes associados da Nazaré

Pratos Gastronómicos

Data de Realização 22 A 28 de Maio

Exposição alusiva ao Mar

Entrada Livre

Local Biblioteca Municipal da Nazaré

Data de Realização 6 de Maio a 3 de Junho

Voando sobre uma praia de gaivotas

Organização Externato Dom Fuas Roupinho e Museu Dr. Joaquim Manso-Museu da Nazaré

Descrição: Exposição “Voando sobre uma praia de gaivota”– inspirado na Gaivota e no Mar da Nazaré com trabalhos dos alunos do 11.º Ano do Curso de Artes Visuais, estabelecendo a ligação entre a obra artística do ceramista Mário Reis;/Flash Mob – no espaço urbano da Praia, na Noite dos Museus às 21h00;Videoprojeção “Voando sobre uma praia de gaivota” às 18h no Museu e às 21h15 na Praça Sousa Oliveira; Dança aeróbica ao ar livre organizada pelos alunos do curso profissional de Técnico de Apoio à Gestão Desportiva (às 10h30) na Praça Sousa Oliveira

Entrada Livre

Local Museu da Nazaré e Praça Sousa Oliveira

Data de Realização 20 de Maio

Danças que falam do Mar

Organização Museu Dr. Joaquim Manso-Museu da Nazaré

Descrição: Exposição de letras de canções associadas ao folclore que fam do Mar

Local Centro Cultural da Nazaré

Data de Realização 22 de Abril a 21 de Maio

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Requalificação dos antigos Paços do Concelho da Pederneira

O projeto de requalificação do edifício da antiga câmara, na Pederneira, para onde está destinada a instalação do tribunal, foi aprovado pelo Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos de Justiça. Para Walter Chicharro, que anunciou a aprovação durante a última...

pacos do concelho