Q

Previsão do tempo

19° C
  • Friday 18° C
  • Saturday 21° C
  • Sunday 25° C
19° C
  • Friday 20° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C
21° C
  • Friday 21° C
  • Saturday 25° C
  • Sunday 29° C

Empresa da Martingança investe 2,2 milhões em novas instalações

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
“A indústria dos moldes orgulha Portugal, coloca o país na primeira divisão dos países mais competitivos e mais eficientes e o tecido empresarial português entre os melhores” afirmou o secretário de Estado na inauguração das novas instalações da empresa Enpromoulds - Moulds Engineering & Production Engenharia e Fabricação de Moldes Metálicos, no passado dia 11.

A empresa “serve de exemplo do que devia estar a acontecer em todos os setores e a todos os empresários portugueses”, disse o governante acerca do crescimento da Enpromoulds nos últimos 13 anos.

Um exemplo de que “é possível numa pequena empresa familiar ter uma ambição global, vender para outros continentes e querer ter a melhor tecnologia de ponta”, frisou, defendendo ser este o espírito que o Governo “quer levar a muitos outros setores da indústria tradicional portuguesa”.

João Vasconcelos falava após a inauguração das novas instalações, onde foram investidos 2,2 milhões de euros, dos quais um milhão de euros na aquisição de novas máquinas que permitem “aumentar a produção e produzir moldes até 50 toneladas”, explicou à agência Lusa o administrador, Sérgio Nicolau.

O investimento permitiu ainda “criar sete novos postos de trabalho”, aumentando o efetivo para 23 trabalhadores.

Fundada em 2003, a Enpromoulds tem um volume de negócios anual na ordem dos dois milhões de euros e estima, com as novas instalações, “duplicar esse valor já em 2016”

O administrador da empresa, Pedro Ortigão, explicou que “quando demos início a esta empresa, tínhamos sonhos de progresso, que foram sendo concretizados”.

“Hoje, como é natural, o grupo de trabalho, constituído por técnicos, gerentes e funcionários, sente-se satisfeito pela inauguração destas instalações. Temos procurado, ao longo destes anos, melhorar continuamente a qualidade de organização, e em 2013 obtivemos a certificação de qualidade com o ISSO 9001-2008, que tem vindo a ser permanentemente atualizada, com novos processos de organização2, acrescentou.

Sobre o futuro, Pedro Ortigão afirmou que “há a ambição de atingir a excelência, e dar início a uma nova etapa, mais ambiciosa, melhorando e complementando o ciclo produtivo com novas máquinas e mais automatismo”.

A empresa produz sobretudo moldes para o setor agrícola (redes de rega e outros equipamentos), artigos para casa (plásticos) e industria automóvel.

As exportações para a América Latina absorvem cerca de 95% da produção da Enpromoulds. Cuba é o principal mercado, 60% , seguindo-se Equador e Colômbia.

Marrocos e Irão são os próximos destinos para onde a empresa pretende iniciar a exportação, encontrando-se atualmente em negociações com novos clientes.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

A maçã de Alcobaça é a que consome menos água a nível europeu

A produção da Maçã de Alcobaça faz uso eficiente da rega. Em média, 60 litros de água dão para cultivar um quilo de maçãs de Alcobaça. Em Espanha, para produzir um quilo do mesmo fruto são precisos 250 litros de água. “Somos a região da Europa, claramente, que usa...

maca

Real Abadia Congress & Spa Hotel comemora o 9º aniversário

O Real Abadia Congress & Spa Hotel está a comemorar o seu 9º aniversário.  Depois de dois anos em que o sector do turismo sofreu um forte abrandamento, a direção unidade, inaugurada em 2013, quer olhar para o futuro com confiança, e está fortemente...

real

Miramar investe 3 milhões de euros no agroturismo em Évora

O Grupo Miramar, da Nazaré, investiu 3 milhões na aquisição da Quinta do Louredo no concelho de Évora. O empresário Serafim Silva, responsável pelo grupo, explicou ao jornal de Leiria que em causa está um investimento de cerca de três milhões de euros num...