Q

Previsão do tempo

13° C
  • Thursday 22° C
  • Friday 22° C
  • Saturday 19° C
13° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 23° C
  • Saturday 23° C
13° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 22° C
  • Saturday 23° C

Feira de Velharias atraiu mais de 300 expositores

Mariana Martinho

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Mais de 300 expositores, que ocuparam a Expoeste, transformaram a 8ª edição da Feira de Velharias, Antiguidades e Artesanato, em Caldas da Rainha, na capital das velharias e antiguidades, durante o passado fim de semana.

A edição deste ano contou com a participação de visitantes e vendedores vindos de norte a sul do país, Espanha, Alemanha e Inglaterra. Com eles trouxeram peças de todo o género, desde antiguidades, discos de vinil, livros, revistas antigas, brinquedos, louças, móveis rústicos, bijutarias, almofadas, luminárias, bonsais, quinquilharias em geral, artigos orientais, rádios, gira-discos, televisões de outros tempos, lustres, móveis e peças decorativas, esculturas, candelabros, moedas antigas, objetos para a casa, enfeites, velas, roupas usadas, esculturas em madeira, artigos de couro, artes decorativas, quadros, peças mecânicas, entre outras. Também houve a participação de vendedores de artes e artesanato, e antiquários.

A Feira de Antiguidades, Velharias e Artesanato das Caldas da Rainha representa um fenómeno no panorama de feiras especializadas neste setor de atividade económica. Segundo António Marques, diretor da Expoeste, estes certames são “importantes para a região, não só pela qualidade em si, mas pelo interesse que congregam em torno deles, sendo que a maioria dos expositores vem de fora da região”. Adiantou que de ano para ano, o número de expositores tem vindo a crescer, o que “nos leva a pensar em arranjar uma solução, pois o espaço começa a ficar pequeno para tantos expositores”.

“O que antigamente era supérfluo para as famílias, hoje já não se deita fora. Outros interessam-se pelas peças sob o ponto de vista da antiguidade e colecionismo”, afirmou António Marques, que disse ter encontrado verdadeiras relíquias nas bancas dos expositores.

A iniciativa realiza-se duas vezes por ano, uma no início da primavera e outra no início de outono. “Vamos continuar a apostar nas duas edições por ano, pois esgotam por completo o recinto da Expoeste”.

Para inaugurar a exposição esteve presente o vice-presidente, Hugo Oliveira, que sublinhou o facto de este certame reunir todas as condições para que haja uma elevada afluência de vendedores e visitantes durante o fim de semana. Também relembrou que “estamos próximos de uma época festiva, sendo uma ótima oportunidade para encontrar uma lembrança ou um mimo a preços mais acessíveis”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Bombeiros preparam-se para emergências obstétricas

Os bombeiros de Óbidos frequentaram um workshop que visou capacitar os tripulantes de ambulância de socorro para estarem preparados quando transportarem grávidas para uma emergência obstétrica. A iniciativa contou com a participação de cerca de sessenta bombeiros,...

obstetrica

Maior aumento no preço de arrendamento das casas registado em Alcobaça

No distrito de Leiria, Alcobaça, Nazaré e Leiria atingem o patamar dos Mil euros, por mês, na renda média O Imovirtual, portal imobiliário de referência, divulgou, no final de outubro, o seu barómetro relativo à evolução dos preços médios anunciados de arrendamento...

rotunda