Q

Previsão do tempo

14° C
  • Wednesday 17° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 26° C
14° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 30° C
13° C
  • Wednesday 19° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 30° C

Coimbra, Tomar, Alcobaça e Batalha ligados pelo património mundial na rede de turismo

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A Turismo do Centro (TC) escolheu o mosteiro da Batalha, para apresentar a Rede de Património Mundial do Centro de Portugal, que une Coimbra, Tomar, Alcobaça e Batalha, com o intuito de potenciar o valor turístico dos quatro locais da região, que são património mundial.

“A ideia é ancorar uma nova perspetiva do turismo da Região Centro e mais do que captar novos públicos, visa também criar novos públicos”, explicou Pedro Machado, na apresentação do projeto.

Para este responsável pelo Turismo do Centro, o país vive um momento positivo ao nível do setor e tem tirar partido da chancela da UNESCO [Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura] e potenciar o mercado externo no setor do turismo.

Dados oficiais revelam que dos mil milhões de turistas registados em 2013, 40% procuravam “turismo cultural”.

Até junho deste ano, a Região Centro “registou 12% no mercado interno e 10% no mercado. “Em 2014 registamos mais de 2 milhões de dormidas”, tendo o turismo interno sido, ainda assim, o mais significativo, explicou o responsável, acrescentando que isto significou um crescimento face ao mesmo período do ano passado.

Para Pedro Machado, esta iniciativa permite “um ajustamento do plano de marketing” e de intervenção comum aos quatro locais, promovendo “o património, a história e a cultura”.

Esta iniciativa pode também, “a partir do património, evidenciar toda a região”, permitindo promover “a gastronomia, o vinho” ou o turismo religioso, nomeadamente Fátima.

Para Paulo Inácio “este projeto mostra que há uma estratégia para o turismo para o concelho de Alcobaça, ao contrário do que dizem, por aí, alguns tontinhos, que não percebem o que se está a passar à sua volta”.

“Felizmente, Alcobaça tem números extraordinários no turismo. Tivemos a sorte de estarmos dentro do Turismo do Centro e prepararmos uma estratégia global para toda a Região e em particular para o património da Humidade”, disse o autarca, acrescentando que “tem sido um trabalho de bastidores que iá ter resultados significados nos próximos anos”.

De acordo com o autarca “conseguimos garantir fundos comunitários para esta Região, que irá traduzir-se por uma maior ação de programação cultural dentro do Mosteiro e no acesso, por parte da sociedade civil, a esse financiamento”

“Penso que poderá ser um salto positivo até mesmo para a existência de fundos para o Hotel no Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça”, frisou o autarca.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Mário Cerol assumiu o Comando dos Bombeiros Voluntários da Nazaré

O novo comandante dos Bombeiros Voluntários da Nazaré tomou posse do cargo, no passado dia 25 de abril, uma cerimónia que contou com a presença da população e das entidades convidadas. Mário Cerol falou em compromisso, responsabilidade e em gratidão pelo convite...

mario cerol

IPSS’s de Alcobaça e Nazaré recebem 17 viaturas

A cerimónia de assinatura do protocolo, no âmbito da candidatura “Mobilidade Verde - Carros Elétricos para Instituições Particulares de Solidariedade Social com Serviço de Apoio Domiciliário a Idosos”, teve lugar no passado dia 29 de maio, no Cineteatro de Porto de...

anexo sem nome 00056