Q

Previsão do tempo

13° C
  • Monday 13° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
13° C
  • Monday 13° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
13° C
  • Monday 14° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 14° C

Utentes do Hospital de Alcobaça sem fisioterapia há um ano

paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A transferência do Hospital de Alcobaça para o Centro Hospitalar de Leiria deixou algumas crianças, que eram seguidas no serviço do CHON, sem fisioterapia.

O problema foi denunciado pelas mães de crianças numa reunião de Câmara, onde aproveitaram para pedir solução ao caso, que se arrasta desde a passagem de Alcobaça para a tutela de Leiria, há um ano.

Uma das crianças sofre de uma cromossomopatia complexa, o que necessita de fisioterapia regular.

“Desde setembro que a Daniela está sem fisioterapia no Sistema Nacional de Saúde”, disse a mãe da menina, que recordou ao executivo camarário que há mais crianças com necessidades de fisioterapia regular para complementar e que viram a qualidade de vida diminuída desde o fim do serviço.

Segundo a vereadora Vanda Marques, eleita pela CDU, “divergências” entre Administrações hospitalares estarão na origem deste problema que lhe foi comunicado pelas mães das crianças, a quem aconselhou a apresentação do problema em reunião de Câmara.

“Esperamos que esta situação se resolva”, disse a vereador, recordando que alguns dos agregados em causa têm dificuldades económicas.

O presidente da Câmara, Paulo Inácio, já entrou em contacto com o Centro Hospitalar de Leiria para tentar solucionar o caso, de onde lhe foram dadas garantias de resposta para breve.

O autarca mostrou-se solidário com as famílias de crianças com necessidades especiais, afirmando que merecem ter uma resposta aos cuidados de saúde básicos, nomeadamente ao nível da fisioterapia.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Timorenses acolhidos por Alcobaça aguardam ofertas de emprego

40 migrantes de nacionalidade timorense foram alojados na Pousada da Juventude de Alfeizerão, em Alcobaça. “São na maioria jovens entre os 20 e os 30 anos, que vieram encaminhados pela Segurança Social de Leiria”, segundo o presidente da Câmara de Alcobaça,...

Trabalhadores dos rebocadores costeiros veem as suas pensões repostas

Trabalhadores dos navios rebocadores costeiros viram as suas pensões suspensas durante cerca de dois anos devido a uma reinterpretação da Lei. Para além da suspensão, o Centro Nacional de Pensões impunha a reposição das pensões auferidas nos dois últimos anos....

rebocador 1