Q

Previsão do tempo

13° C
  • Wednesday 16° C
  • Thursday 24° C
  • Friday 26° C
13° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 31° C
10° C
  • Wednesday 18° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 30° C

Cooperativa agrícola de Alcobaça abre loja “Granja de Cister”

Paulo Alexandre

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
A nova loja de produtos gourmet da Cooperativa Agrícola de Alcobaça, “Granja de Cister”, foi inaugurada no passado dia 5, assumindo-se como um espaço de produtos gourmet e uma montra do que melhor se produz no concelho. A diretora regional de Agricultura de Lisboa e Vale do Tejo, Elizete Jardim, e o presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Paulo Inácio, presidiram à inauguração.

A abertura da Granja de Cister coincidiu com a celebração do Dia Internacional da Agricultura Familiar, facto aproveitado pelo presidente da direção da Cooperativa Agrícola de Alcobaça para lembrar os presentes da missão da Cooperativa ao longo da sua existência que “mais não fez que apoiar a agricultura familiar.”

Manuel Castelhano explicou que “a abertura do novo espaço surge depois do desafio lançado pela Câmara Municipal para a criação de um local de exposição de produtos agrícolas locais”, onde todos os visitantes pudessem provar a qualidade da fruta e hortícolas do concelho.

“Nasce de um projeto integrado”, para o qual os melhores produtores do concelho foram convidados a expor a qualidade que conferem à sua produção, tendo também sido desafiados a “abrir as suas explorações a visitas, permitindo que os turistas possam verificar, no local, como se produz este produto de excelência, que chega à loja”.

Foram criados três Roteiros Turísticos de Cister: as rotas da maçã de Alcobaça; do vinho, e do azeite. “Já estão preparados para puderem ser feitos pelos turistas, que assim o desejarem”, frisou Manuel Castelhano, sobre os percursos que foram elaborados com a colaboração de Rui Rasquilho e António Maduro, especialistas no estudo dos Coutos de Cister.

A promoção do novo espaço comercial da Cooperativa assim como a sua oferta já está disponível nos principais parceiros turísticos do concelho, como o Mosteiro de Alcobaça, o Museu do Vinho, o Parque dos Monges, hotéis e restaurantes, com a finalidade atrair o seu público-alvo, os turistas.

Sobre o setor agrícola, o presidente da Cooperativa Agrícola de Alcobaça falou de uma “fase de crescimento, mas que ainda não ultrapassou todos os problemas estruturais”, tendo frisado que a “venda do produto continua a ser complicada”, mas tem esperança que o espaço possa contribuir para escoar a produção.

Paulo Inácio, presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, sublinhou, por seu turno, que cabe à sociedade civil ser a força motriz do desenvolvimento do concelho.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara de Alcobaça fecha 2021 com saldo positivo de 463 mil euros

A Assembleia Municipal de Alcobaça aprovou no passado dia 28, as contas da autarquia que terminou o ano de 2021 com um saldo positivo de 463,2 mil euros e reduziu a dívida em 386 mil euros. De acordo com o relatório de contas apresentado aos deputados a receita...

cma