Q

Previsão do tempo

18° C
  • Tuesday 20° C
  • Wednesday 25° C
  • Thursday 23° C
18° C
  • Tuesday 22° C
  • Wednesday 30° C
  • Thursday 26° C
19° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 30° C
  • Thursday 27° C

Câmara promove encontro entre consultores e agricultores para escoamento de produção de alho francês

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Cerca de duas dezenas de agricultores, associações representativas do setor e autarcas das freguesias de Famalicão e Valado dos Frades reuniram, ontem, no Salão Nobre da Câmara da Nazaré, com Nuno Nobre, empreendedor e consultor criativo de negócios na área alimentar, e Luís Freire, da consultora Headstart, num encontro destinado a encontrar soluções para excesso de produção hortícola, que foi promovido pelo presidente do Município, Walter Chicharro.

“Há cerca de 200 toneladas de alho francês quase prontas a serem colhidas dos campos, mas não há comprador garantido”, referiram os agricultores.

A preocupação já tinha sido exposta pela Associação “5 Rios”, representante de algumas dezenas de agricultores de Valado dos Frades, ao Presidente da Câmara, num encontro de preparação da 4ª edição Endógenos, evento que irá decorrer a 3 de maio, na Nazaré, dedicada ao Carapau Seco, em que também estarão presentes produtos hortícolas locais.

“Percebemos que poderia haver, aqui, uma janela de oportunidade para os produtos frescos que os agricultores do concelho têm dificuldade em escoar, aproveitando contactos desenvolvidos pela autarquia, naquele âmbito, com os dois corretores desta área de atividade, a comercialização de frescos”, explicou Walter Chicharro, no início da reunião.

Por sua vez, Nuno Nobre acrescentou que, juntamente com Luís Freire, desenvolve trabalho e contactos regulares com grandes grupos de distribuição, tais como a “EUROBANAN” (importação e distribuição de frutas e hortícolas) ou o grupo “AUCHAN” (maior grupo de distribuição mundial) na “promoção e comercialização de produtos endógenos Portugueses, através do contacto direto com os produtores locais e interlocutores que se dedicam a garantir a continuidade e sustentabilidade destes produtos”.

“Viemos ao encontro dos produtores para ouvir e perceber que sinergias se poderiam reunir para um trabalho regular conjunto, debatendo a forma como se poderão escoar os produtos para os canais com que trabalhamos”, adiantou.

“O nosso objetivo é rentabilizar, ao máximo, produtos e parceiros”, rematou.

No final da reunião, ficou acordado que os representantes dos agricultores serão contactados, em breve, com as oportunidades de negócio que estes corretores conseguirem reunir para os produtos frescos em stock.

Além do alho francês, outros produtos hortícolas produzidos no concelho da Nazaré, poderão entrar na base de trabalho desta rede de contactos, com retalhistas e grandes cadeias de distribuição existentes, abrindo-se, desta forma, novos canais de absorção dos produtos locais.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

CDU critica atualização de respostas sociais à realidade do país

A resposta social do concelho às famílias que apresentam maiores dificuldades não é suficiente na opinião da CDU. “Temos vindo a assistir à degradação da vida por conta dos aumentos de custos de vida”, disse João Paulo Delgado, vereador na oposição da Câmara da...

cmn

Turista critica encerramento de balneários de praia ao fim da tarde

Os horários de serviços de apoio à praia da Nazaré foram alvo de criticas por banhistas que se deslocaram ao local e encontraram a porta encerrada ao final da tarde. António Neves e a família, residente em Almeirim, escreveu o seu desagrado pela situação que viveu...

294558343 745558416697977 4135384464215398638 n