Q

Previsão do tempo

9° C
  • Wednesday 12° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 14° C
9° C
  • Wednesday 11° C
  • Thursday 15° C
  • Friday 14° C
8° C
  • Wednesday 11° C
  • Thursday 14° C
  • Friday 14° C

Recifes Artificiais da Nazaré já abrigam espécies piscícolas

JL

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Os recifes artificiais, estruturas de betão colocadas, desde setembro de 2009, na plataforma continental adjacente à Nazaré, entre a foz do rio Alcoa e a Praia do Salgado, a uma profundidade entre os 20 e os 23 metros, já abrigam várias comunidades piscícolas.

A mais recente monitorização efetuada revelou uma rápida colonização deste sistema colocado no fundo do mar, totalmente submerso.

Segundo a autarquia, “os estudos científicos estimam em 8 anos a maturação do sistema, que procura imitar algumas das características dos recifes naturais. Em apenas três anos, o sistema recifal da Nazaré já começou a abrigar espécies piscícolas.

O aumento da produção biológica, a diversificação das espécies e a criação de abrigo para os juvenis são os objetivos deste sistema recifal, pioneiro na costa ocidental portuguesa, resultado de um projeto elaborado pela Câmara da Nazaré, no âmbito do projeto “Viver o

Mar”, e protocolado com os parceiros científicos Instituto de investigação das pescas e do Mar (IPIMAR) e Instituto Politécnico de Leiria (IPLEI).

A problemática da diminuição dos recursos pesqueiros, resultante da sobre-exploração, a diversidade de artes de pesca e a baixa seletividade muitas vezes associada a esta atividade, estiveram na base da adoção deste instrumento de gestão integrada dos ecossistemas

marinhos e das atividades relacionadas com a exploração dos recursos pesqueiros e energéticos.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Câmara investe na Arborização do Parque da Pedralva

A empreitada de arborização de uma área de 2,52 ha do Parque da Pedralva teve início na semana passado e representa um investimento que totaliza os 81.730,45 €. O plano de arborização surge no âmbito da candidatura ao Aviso n.º 11/REACT-EU/2021 – (Re) Arborização...

pedralva