Q

Previsão do tempo

9° C
  • Friday 14° C
  • Saturday 14° C
  • Sunday 14° C
9° C
  • Friday 15° C
  • Saturday 15° C
  • Sunday 16° C
5° C
  • Friday 15° C
  • Saturday 15° C
  • Sunday 16° C

Contadores multitarifa: EDP tem de desembolsar mais 7 milhões de euros

DECO Santarém

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
O desacerto no relógio dos contadores multitarifa da EDP culmina agora com a decisão da entidade reguladora do setor, que dá razão às exigências da DECO.

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) apresentou a sua decisão, após a auditoria aos contadores multitarifa: determinou que a EDP Distribuição tem de pagar 7 milhões de euros aos consumidores ainda não compensados pela anterior decisão, em 2012, com tarifas bi e tri-horária, em Portugal Continental. A decisão da entidade reguladora vem ao encontro das reivindicações da DECO. Trata-se de um valor insuficiente para os consumidores prejudicados, mas a decisão de compensar todos os consumidores com tarifa bi e tri-horária, com ou sem relógios desacertados, vem em linha com o proposto pela DECO desde o início.

A compensação decidida pela ERSE é automática (ou seja, o consumidor não precisa de reclamar) e realizar-se-á na primeira fatura de eletricidade a emitir após 15 de junho. De acordo com o escalão de potência contratada, cada cliente receberá entre € 3 (3,45 kVA) e € 35,40 (41,4 kVA).

O contínuo acompanhamento do processo pela DECO, a exigência do rigoroso controlo dos equipamentos de medição, bem como a fiscalização dos procedimentos impostos à EDP pela ERSE (compra de equipamentos, leituras, reclamações e comunicação de anomalias) são medidas cruciais.

O montante global de penalização da EDP por desacertos nos contadores é superior a 11 milhões de euros. Num primeiro momento, traduziu-se em 4,1 milhões de euros, atribuídos a cerca de 106 mil clientes com contadores afetados por um erro de reparametrização ou com relógios com precisão inferior ao estipulado e, agora, juntam -se mais 7 milhões de euros, para os restantes consumidores.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Últimas

Artigos Relacionados

Maçã de Alcobaça aposta na internacionalização

A Associação dos Produtores de Maçã de Alcobaça - APMA apresentou, no passado dia 3 de dezembro, o “Projeto de Promoção da Maçã de Alcobaça em Mercados Externos” que visa dar uma nova onda de sabor vinda de Portugal oriunda da única maçã do Atlântico. A...

maca de alcobaca2

Maçã de Alcobaça apresentou-se na Feira Fruit Attraction em Madrid

Feira Fruit Attraction, um dos maiores certames de marketing de produtos agrícolas (frutas e vegetais) do mundo, decorreu no pavilhão da IFEMA Madrid, de 4 e 6 de outubro, e Alcobaça esteve presente com um dos seus produtos frutícolas de marca. O evento contou com...

anexo sem nome 00056