Q

Previsão do tempo

13° C
  • Thursday 16° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 12° C
14° C
  • Thursday 17° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 12° C
14° C
  • Thursday 16° C
  • Friday 16° C
  • Saturday 12° C

Vivência religiosa da Nazarépatente no Centro Cultural

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Abriu este sábado ao público a exposição “Passos, a Alma do Povo”, patente no Centro Cultural da Nazaré até 10 de Abril. A iniciativa, promovida pela Irmandade do Senhor dos Passos da Pederneira, está inserida no programa de celebrações da ancestral procissão, com quase 400 anos de existência. Foi ao som de música de câmara, […]
Vivência religiosa da Nazaré<br>patente no Centro Cultural

Abriu este sábado ao público a exposição “Passos, a Alma do Povo”, patente no Centro Cultural da Nazaré até 10 de Abril. A iniciativa, promovida pela Irmandade do Senhor dos Passos da Pederneira, está inserida no programa de celebrações da ancestral procissão, com quase 400 anos de existência. Foi ao som de música de câmara, interpretada por um quarteto de trombones da Associação Filarmónica da Nazaré, que o público foi recebido na abertura da exposição evocativa da Procissão do Senhor dos Passos.

«Os valores de cada comunidade devem ser estimados», frisou o pároco José Luís Guerreiro, durante o acto inaugural. Considerando que se vive actualmente «numa sociedade que perde valores», o sacerdote destacou a importância do trabalho da Irmandade do Senhor dos Passos na «valorização» desta tradição, «não só ao organizar a procissão, mas também ao dar a conhecer todo o património» a ela associado. Também o presidente da Câmara Municipal da Nazaré, Jorge Barroso, ressalvou o empenho da Irmandade em «mostrar, com esta exposição, tudo o que estava fora do nosso alcance», referindo-se ao espólio da devoção ao Senhor dos Passos. O autarca lembrou que é nos primeiros meses do ano que a «Nazaré vive mais intensamente aquilo que é seu», com as festividades carnavalescas, as celebrações da Quaresma e a Páscoa, associadas às mais genuínas manifestações da cultura popular nazarena. Na opinião de Jorge Barroso, a exposição patente no Centro Cultural evidencia não só a profunda vivência religiosa dos nazarenos, mas permite também «mostrar aos que nos visitam o que são os nossos valores e a nossa arte». Para a Irmandade do Senhor dos Passos da Pederneira, na voz do seu presidente José Adelino, esta iniciativa é «uma forma de mostrar o espólio legado no passado e transmitir às gerações futuras o que temos de melhor». Um «sentir do povo nazareno» que aquele responsável pretende ver materializado na criação de um museu temático, na Igreja da Misericórdia. José Adelino apelou ainda ao regresso do espólio que actualmente está «em mãos individuais» à Irmandade, de modo a que se possa «tornar verdadeiramente testemunho da comunidade nazarena». A Procissão do Senhor dos Passos da Pederneira, que invoca os últimos momentos da vida de Jesus, remonta a 1619 e rapidamente se tornou uma das maiores manifestações de fé da região. Actualmente, a Irmandade do Senhor dos Passos conta com cerca de 3.500 membros, na Nazaré, em Peniche e na comunidade emigrante. A devoção traduz-se ainda hoje nos donativos, oferendas e ex-votos que os crentes oferecem ao Senhor dos Passos. Exemplos disso são as vestes dos santos que integram as procissões já oferecidas em promessa, até 2022. As celebrações do Senhor dos Passos da Pederneira decorrem de 2 a 4 de Abril.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Alcobacense Churky participa no Festival da Canção 2023

O Músico Churky, de Alcobaça, é um dos novos valores da música portuguesa que está entre os 20 autores selecionados para a edição de 2023 do festival da Canção. Há mais dois nomes do distrito de Leiria que participam, os Dankunsportif  de Peniche e  Inês...

chuky 1

Câmara investe na Arborização do Parque da Pedralva

A empreitada de arborização de uma área de 2,52 ha do Parque da Pedralva teve início na semana passado e representa um investimento que totaliza os 81.730,45 €. O plano de arborização surge no âmbito da candidatura ao Aviso n.º 11/REACT-EU/2021 – (Re) Arborização...

pedralva