Q

Previsão do tempo

12° C
  • Tuesday 15° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 16° C
12° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 14° C
  • Thursday 16° C
13° C
  • Tuesday 16° C
  • Wednesday 15° C
  • Thursday 16° C

Armazém das Artes mostra exposiçãode fotografias de esculturas de José Aurélio

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Imagens captadas pelo fotógrafo José L. Guimarães no Concelho de Almada David Mariano O Armazém das Artes – Fundação Cultural em Alcobaça tem patente uma exposição intitulada “3D / 2D – Dimensão Trocada”, onde se podem ver esculturas de José Aurélio, em Almada, fotografadas por José L. Guimarães. Integrada nas celebrações do 4º aniversário do […]

Imagens captadas pelo fotógrafo José L. Guimarães no Concelho de Almada David Mariano O Armazém das Artes – Fundação Cultural em Alcobaça tem patente uma exposição intitulada “3D / 2D – Dimensão Trocada”, onde se podem ver esculturas de José Aurélio, em Almada, fotografadas por José L. Guimarães. Integrada nas celebrações do 4º aniversário do Armazém das Artes esta iniciativa relaciona-se com a Arte Pública existente no Município de Almada.

José L. Guimarães é um fotógrafo com um importante percurso profissional que, em Almada, tem vindo a fotografar muitas das peças de escultura que podemos encontrar um pouco por toda a Cidade e o Concelho. Tendo sido convidado a participar numa representação do Município de Almada, José L. Guimarães apresenta uma série de fotografias das obras que o Escultor José Aurélio tem vindo a executar em Almada desde 1985. Estas fotografias podem ser assim observadas na Sala Mário Botas que apresenta um conjunto de fotografias tiradas a doze esculturas implantadas em vários locais do Concelho, com particular incidência em pormenores que, pela sua qualidade plástica, se tornam autónomas no tratamento artístico que o autor lhe imprime. Segundo a especialista Ana Isabel Ribeiro, “estas fotografias desconstroem o objecto, tornando-o quase irreconhecível, uma vez que isolam partes do todo, retiram o objecto do seu contexto de origem subtraindo-lhe, quase sempre, o fundo, privando-o, deliberadamente, quer de referências visuais associadas, quer ainda dos seus valores lumínicos e cromáticos.”

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Alcobacense Churky participa no Festival da Canção 2023

O Músico Churky, de Alcobaça, é um dos novos valores da música portuguesa que está entre os 20 autores selecionados para a edição de 2023 do festival da Canção. Há mais dois nomes do distrito de Leiria que participam, os Dankunsportif  de Peniche e  Inês...

chuky 1

Novo disco dos The Gift chega às plataformas de streaming

CORAL, o novo disco dos The Gift, editado no passado dia 14 de setembro, apenas disponível em exclusivo na App REV, já chegou a todas as plataformas de streaming. O novo trabalho de estúdio da banda de Alcobaça conta com um conceito único, no qual arriscaram a...

indice