Q

Previsão do tempo

14° C
  • Sunday 18° C
  • Monday 21° C
  • Tuesday 19° C
14° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 24° C
  • Tuesday 20° C
12° C
  • Sunday 18° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 20° C
[speaker]
[speaker]

José António Batalhajá entregou lista à Confraria

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Tânia Rocha José António da Vila Mona Batalha foi o primeiro a assumir-se como candidato à mesa administrativa da Confraria de Nossa Senhora da Nazaré. No passado dia 13, Vila Mona Batalha entregou a lista a que preside, na secretaria da instituição. As eleições para os corpos gerentes, para o triénio 2011-2013, realizam-se no próximo […]
José António Batalha<br>já entregou lista à Confraria

Tânia Rocha José António da Vila Mona Batalha foi o primeiro a assumir-se como candidato à mesa administrativa da Confraria de Nossa Senhora da Nazaré. No passado dia 13, Vila Mona Batalha entregou a lista a que preside, na secretaria da instituição. As eleições para os corpos gerentes, para o triénio 2011-2013, realizam-se no próximo dia 10 de Dezembro. O candidato à presidência da Assembleia-geral é Rui Gerardo. Ao seu lado estão Marco Almeida (1º vogal) e Carlos Fidalgo (2º secretário). A mesa administrativa é presidida por Vila Mona Batalha e os restantes lugares são ocupados por Abílio Santiago (secretário), José Alberto Felismina (tesoureiro), António Mafra (1º vogal) e Nuno da Florência (2º vogal).

Já o conselho fiscal tem como presidente Fernando Mafra, além de Rui Hilário (1º vogal) e Luís Limpinho (2º vogal). Por último, o conselho restrito de irmãos é composto pela madre superiora Irmã Cecília Martins, António Hilário, Maria Batalha Soares e João Codinha dos Santos. No comunicado da apresentação da lista, José Vila Mona Batalha não adiantou mais nenhuma informação, mas vai enviar uma nota de imprensa por semana aos órgãos de comunicação social. Candidato fala de “subida exponencial do número de Irmãos” No último comunicado, enviado esta semana, Batalha fala do crescimento “exponencial” do número de Irmãos que a Confraria alcançou durante o último mandato. Após a análise do “núcleo duro” da candidatura da lista de António Batalha, concluíram que “o número de Irmãos duplicou entre a última Assembleia-geral eleitoral e o dia 31 de Agosto de 2010 (o último Irmão inscrito tem o número 2.713, enquanto que no último acto eleitoral, há três anos, podiam participar cerca de 1.300 Irmãos), referindo que “só nos últimos três dias de Agosto entraram mais de 1.100 fichas”. Salientam também que “apesar do crescimento se dever na sua grande maioria a pessoas com morada na Nazaré e seu concelho, pode-se constatar também um elevado número de novos Irmãos residentes fora do concelho”, constatando-se também a “existência de alguns cidadãos do leste europeu e da Ásia, embora residentes no concelho”. Como tal, este candidato à presidência da Confraria fala em “perda das referências identitárias na relação desta Instituição com a comunidade do concelho da Nazaré porque, a manter-se esta tendência nos próximos anos, correremos o risco de ter à frente da Instituição alguém que com ela não se identifique”. Perante os factos e conclusões apresentadas, o “núcleo duro” da candidatura de Batalha quer apresentar, “durante o próximo ciclo inter-eleitoral, uma proposta de alteração aos estatutos de forma a que os Irmãos inscritos há mais anos possam ter uma palavra mais activa e direitos especiais, quando forem chamados a votar em qualquer Assembleia-geral”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Salvador Formiga inicia mandato de vereador com compromissos

Com o fim do governo de António Guterres, Salvador Formiga abandonou o Parlamento de Lisboa e regressou à Câmara da Nazaré para desempenhar as funções vereador eleito nas listas do PS. Na sua primeira reunião, dirigiu-se aos munícipes com uma declaração pública...

formiga

Nazareno Miguel Cardina lidera lista do BE em Coimbra

Miguel Cardina é cabeça-de-lista do Bloco de Esquerda pelo distrito de Coimbra, local onde o partido não elegeu qualquer deputado nas últimas eleições para o Parlamento. Historiador e investigador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra, o nazareno...

miguel cardina