Q

Previsão do tempo

20° C
  • Monday 21° C
  • Tuesday 21° C
  • Wednesday 21° C
21° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 23° C
22° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 23° C

Nazaré pode ter Hotel de 5 estrelas

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Tânia Rocha A empresa Serafim Silva – Actividades Hoteleiras, S.A., proprietária do Grupo Miramar, pretende construir uma unidade hoteleira de 5 estrelas, designada Hotel Suites de Charme 5 estrelas, na encosta Sul da Pederneira, junto ao Caminho Real. O assunto foi levado à última reunião de Câmara, onde o executivo deliberou encaminhar toda a documentação […]
Nazaré pode ter Hotel de 5 estrelas

Tânia Rocha A empresa Serafim Silva – Actividades Hoteleiras, S.A., proprietária do Grupo Miramar, pretende construir uma unidade hoteleira de 5 estrelas, designada Hotel Suites de Charme 5 estrelas, na encosta Sul da Pederneira, junto ao Caminho Real. O assunto foi levado à última reunião de Câmara, onde o executivo deliberou encaminhar toda a documentação inicial inerente a este processo para a equipa responsável pela revisão do Plano Director Municipal da Nazaré e Plano de Urbanização da Pederneira, actualmente em fase de elaboração. Serafim Silva apelou à luz verde da autarquia para começar a avançar com o projecto. O proprietário da empresa, Serafim Silva, enviou à Câmara uma exposição, que incluía uma declaração de compromisso, memória descritiva e planta de localização, de forma a fundamentar a pretensão da construção da referida unidade hoteleira, com o intuito de “elucidar a CMN sobre o futuro investimento do Grupo no concelho”. O assunto foi brevemente discutido e analisado na última reunião do executivo camarário, realizada na passada segunda-feira, dia 6 de Setembro.

O terreno, onde, eventualmente, vai ser construído o hotel, situa-se a Sul da Pederneira, numa área total de 30 mil m2, cuja área de construção é de 4,5 mil m2. O local tem “vista privilegiada para o Oceano Atlântico, S. Gião e vila da Nazaré”, segundo se lê na memória descritiva. O hotel terá 50 suites, zonas de serviço, recepção, sala de estar e sala de refeições e cozinha, distribuídos por três pisos (rés-do-chão, primeiro e segundo andares), em sistema de plateaux, ou seja, em escadaria, de forma a “evitar quaisquer tipos de barreiras visuais negativas ou constrangimentos”. A informação da Divisão de Planeamento e Urbanismo, que acompanhou a documentação de Serafim Silva, apresentada na reunião, refere que “a Câmara Municipal já deliberou aceitar o princípio de reserva de uma área do território, no início da encosta da Pederneira até ao limite do corredor de protecção ao teleférico, para zonas de usos especiais, nomeadamente para equipamentos de saúde, lazer e outros”. Salienta que “a encosta da Pederneira constitui uma paisagem sensível de grande valor paisagístico e ambiental que importa defender”, além de referir alguns bons e maus exemplos de construção em paisagens do mesmo género. No entanto, o parecer refere que “se poderá equacionar a possibilidade de ampliação das estruturas edificadas situadas na encosta da Pederneira, mantendo-as concentradas, mas dando-lhe a possibilidade de se dimensionarem equipamentos de natureza turística muito específicos, de grande qualidade”, referindo que essa possibilidade “não deveria ficar limitada às propriedades onde existam já construções, mas ser transversal a todas as situações em que a topografia natural permitisse a construção”. No seguimento da análise dos dois documentos, o executivo aprovou uma proposta, onde remete “à equipa de planeamento para, ao longo de toda a base da encosta da Pederneira, analisar e ponderar os locais onde se poderá vir a viabilizar a ocupação urbanística, com programas e funções cuja qualidade e interesse económico e social seja reconhecido pelo Município, como sendo relevantes para o desenvolvimento turístico, económico e social do concelho, e onde as características do terreno e da sua envolvente próxima permitam a localização, designadamente em termos topográficos, geológicos e ambientais”. Ainda na mesma proposta, a autarquia diz que “deverá ser prevista regulamentação específica que garanta o adequado enquadramento do equipamento e a minimização do seu impacto urbanístico e paisagístico”, assim como a “reabilitação e replantação” da zona verde e uma “solução de acesso a partir da EN242”. A autarquia refere também estar “interessada em criar condições para poder viabilizar os investimentos de qualidade que contribuam para a criação de riqueza e para o desenvolvimento social e económico, no sector produtivo e empresarial, que venham a criar postos de trabalho directos e que fomentem a qualificação e dinamização do tecido empresarial do concelho”. O Grupo Miramar pretende “criar um conceito inovador de hotel, em linha com os exigentes standards de qualidade internacionais, que se distinga pela originalidade e diferenciação da oferta”, assumindo, contudo, “total respeito pelo ambiente e ecologia da zona onde edificará o Hotel”. A construção desta unidade hoteleira, além de criar “emprego directo”, pretende ainda atrair “novos clientes na gama média-alta” e combater a “sazonalidade” turística que o concelho vive actualmente. Se tal se concretizar, o Grupo assume o compromisso de fazer uma construção “perfeitamente integrada e ecologicamente correcta”. O Grupo Miramar assume-se como “o maior investidor privado na área turística no Concelho da Nazaré”. Para além do Hotel Miramar e do Hotel Miramar Sul, o grupo prevê abrir o SPA Miramar, no início de 2011, e no final do mesmo ano, inaugurar uma unidade de Talassoterapia de água salgada.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

CDU critica atualização de respostas sociais à realidade do país

A resposta social do concelho às famílias que apresentam maiores dificuldades não é suficiente na opinião da CDU. “Temos vindo a assistir à degradação da vida por conta dos aumentos de custos de vida”, disse João Paulo Delgado, vereador na oposição da Câmara da...

cmn

Real Abadia Congress & Spa Hotel comemora o 9º aniversário

O Real Abadia Congress & Spa Hotel está a comemorar o seu 9º aniversário.  Depois de dois anos em que o sector do turismo sofreu um forte abrandamento, a direção unidade, inaugurada em 2013, quer olhar para o futuro com confiança, e está fortemente...

real