Q

Previsão do tempo

18° C
  • Wednesday 20° C
  • Thursday 22° C
  • Friday 29° C
18° C
  • Wednesday 22° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 35° C
19° C
  • Wednesday 23° C
  • Thursday 28° C
  • Friday 33° C

Túnel na Vestiaria poderá ser passagem secretapara o Mosteiro

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Paulo Alexandre A construção de um muro e de um passeio na Aliceira, na Vestiaria, pôs a descoberto um túnel, que poderá ter sido uma mina de água ou uma passagem secreta para o Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça. O local foi encontrado ao acaso, durante as obras que a Junta de Freguesia tem […]
Túnel na Vestiaria poderá ser passagem secreta<br>para o Mosteiro

Paulo Alexandre A construção de um muro e de um passeio na Aliceira, na Vestiaria, pôs a descoberto um túnel, que poderá ter sido uma mina de água ou uma passagem secreta para o Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça. O local foi encontrado ao acaso, durante as obras que a Junta de Freguesia tem em curso junto à curva da Aliceira. O tecto da gruta tem marcas dos archotes que serviram de iluminação, o que poderá ser um indicador de que os túneis poderiam ter tido uma utilização diferente que a de uma simples mina de água.

O presidente da Junta de Freguesia da Vestiaria, António André, admite que o túnel pode ter sido usado pelos frades do Mosteiro. O autarca baseia-se numa conhecida uma rede de túneis que ligava o mosteiro ao castelo e a outros pontos, para refúgio dos monges e para evacuação da população. Com um metro de largura e dois de altura, e possivelmente vários metros de extensão, o túnel tem uma sala com mesas e bancos. Segundo o autarca “o túnel tem continuidade, mas estará barrado por raízes de eucalipto”. “Vamos ver se é possível abrir para ver onde vai dar”, conclui.

Por seu lado, Pedro Tavares, com uma vasta obra de investigação sobre o Sistema Hidráulico Cisterciense em Alcobaça, refere que, “pelas suas características, a gruta poderá ter sido uma mina de água”. “As dimensões da abertura da gruta, as marcas dos archotes no tecto e o facto de ter sido escavada no arenito, são provas mais do que suficientes”, frisou.

O engenheiro comparou o achado no final do mês de Julho com as quatro minas existentes na Quinta de Nossa Senhora de Lurdes, na encosta do Cidral, para concluir que “aquela gruta foi, quase garantidamente, uma mina de água”. Segundo este especialista em hidráulica cisterciense, uma mina de água é “um túnel cavado na rocha de arenito”, muito característico desta zona, com as dimensões adequadas à deslocação confortável do homem, pois precisam de ser limpas regularmente. A encosta do Cidral é um maciço de arenito, uma enorme esponja que absorve toda a humidade que escorre encosta a baixo, características que este achado apresenta.

Para já, a origem da passagem subterrânea é desconhecida. A Câmara de Alcobaça já enviou arqueólogos ao local, mas a investigação ainda só agora começou.

O presidente da Câmara Municipal de Alcobaça, Paulo Inácio, já informou o Igespar sobre esta descoberta. Prefere não comentar as possíveis origens do túnel, aguardando, em alternativa, as conclusões dos técnicos.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

João Formiga anuncia candidatura à concelhia do PS Nazaré

João A. Portugal Formiga, Presidente da Junta de Freguesia da Nazaré, anunciou, nas redes sociais, que é candidato à presidência da concelhia local do Partido Socialista. “No panorama político atual, onde uma parte da direita e outra parte da esquerda, se têm...

joao formiga

As vantagens de apostar num projeto de cozinha com ilha

Este tipo de cozinhas modernas com ilha, são cada vez mais comuns em Portugal por oferecerem uma estética interessante e serem muito mais práticas do que as cozinhas com uma disposição mais tradicional.

artigo

IPSS’s de Alcobaça e Nazaré recebem 17 viaturas

A cerimónia de assinatura do protocolo, no âmbito da candidatura “Mobilidade Verde - Carros Elétricos para Instituições Particulares de Solidariedade Social com Serviço de Apoio Domiciliário a Idosos”, teve lugar no passado dia 29 de maio, no Cineteatro de Porto de...

anexo sem nome 00056