Q

Previsão do tempo

14° C
  • Sunday 18° C
  • Monday 20° C
  • Tuesday 19° C
15° C
  • Sunday 20° C
  • Monday 23° C
  • Tuesday 21° C
13° C
  • Sunday 19° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 21° C
[speaker]
[speaker]

Pescadores da Nazaré aderiram 100% à greve

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Joaquim Piló considerou paralisação uma vitória para os pescadoresA greve nacional dos pescadores terminou à meia-noite do dia cinco. Foram seis dias em que pescadores de todo o país lutaram, não só pela redução do preço dos combustíveis, mas também por melhores condições salariais e de trabalho. Na Nazaré a luta também se fez sentir […]
Pescadores da Nazaré aderiram 100

Joaquim Piló considerou paralisação uma vitória para os pescadoresA greve nacional dos pescadores terminou à meia-noite do dia cinco. Foram seis dias em que pescadores de todo o país lutaram, não só pela redução do preço dos combustíveis, mas também por melhores condições salariais e de trabalho. Na Nazaré a luta também se fez sentir com a adesão total dos pescadores.O presidente do Sindicato dos Pescadores, Joaquim Piló, defende que “esta greve foi uma vitória, porque conseguiu-se que o Governo ouvisse os pescadores e negociasse com os sindicatos”. No entanto, Joaquim Piló ressalva que “os armadores têm de ser mais honestos, justos e transparentes nas contas”, e como isso não tem acontecido, os tripulantes são os mais prejudicados.

O presidente do sindicato salienta ainda que, “apesar da união, há algumas diferenças entre os vários sectores, que têm também de ser esclarecidas”. Realça que a pequena pesca não consegue suportar os custos actuais dos combustíveis e acrescenta também que “há direitos e deveres entre pescadores e armadores que têm de ser cumpridos, de forma a haver uma relação de trabalho equilibrada”, defendendo que esta é também uma oportunidade para se fazer cumprir a lei. Joaquim Piló referiu que a greve na Nazaré foi bastante significativa, à semelhança da maioria dos portos do país.O sindicato vai aguardar até ao dia um de Julho para saber se o Governo vai ou não cumprir com o prometido antes avançarem com a luta. Os compromissos do Governo prendem-se com a isenção total da taxa social única por três meses a partir de Julho; instituição de uma linha de crédito de 40 milhões de euros a pagar em cinco anos com um ano de carência; reconfiguração do PROMAR com reforço dos meios, redução da taxa de vendagem de 4% para 2% para os barcos a gasolina e ainda, a constituição de um grupo de trabalho para acompanhar no futuro os problemas do sector. TR

à greve

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

Ampliaqua instala-se com inovação e investigação no Porto da Nazaré

A maior unidade de aquaponia do país que combina aquacultura e hidroponia livre de produtos químicos A AmpliAqua®️, uma empresa inovadora no campo da aquacultura, que combina aquacultura e hidroponia de forma sustentável, anunciou, em abril, a sua instalação no...

Ampliaqua

Alcobaça em grande destaque no ranking PME Líder 2023

Com 110 empresas galardoadas, mais 11 do que no ano transato, Alcobaça ocupa novamente um lugar de destaque a nível do Oeste (2º classificado) e do distrito (3º classificado) no ranking PME Líder 2023, prestigiado selo de qualidade atribuído anualmente pelo IAPMEI...