Q

Previsão do tempo

17° C
  • Thursday 27° C
  • Friday 31° C
  • Saturday 29° C
18° C
  • Thursday 33° C
  • Friday 37° C
  • Saturday 37° C
16° C
  • Thursday 33° C
  • Friday 37° C
  • Saturday 37° C

Magia de Luís de Matos custa 180 mil euros a Alcobaça

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Paulo AlexandreLuís de Matos vai receber 180 mil euros pelo espectáculo de magia do próximo dia 6 de Julho, em Alcobaça, que vai decorrer nas escadarias do Mosteiro. O mágico e a Câmara prometem que o “Mosteiro será o palco da maior metamorfose de todos os tempos” para assinalar a sua eleição enquanto uma das […]

Paulo AlexandreLuís de Matos vai receber 180 mil euros pelo espectáculo de magia do próximo dia 6 de Julho, em Alcobaça, que vai decorrer nas escadarias do Mosteiro. O mágico e a Câmara prometem que o “Mosteiro será o palco da maior metamorfose de todos os tempos” para assinalar a sua eleição enquanto uma das Sete Maravilhas do Património Português.

A oposição não aprovou o valor a pagar ao mágico e acusa a maioria PSD de ter aberto demasiado a bolsa para um número que nem sequer explica do que irá ser composto.

Daniel Adrião discorda do valor que a Câmara se prepara para pagar ao mágico, embora reconheça a importância de se assinalar o facto de Alcobaça ter sido eleita uma das sete maravilhas do património português. O socialista considera os valores acertados são muito avultados para o tipo de evento que se pretende fazer embora

reconheça, também, que nem sequer sabe, ao certo, o que é que o mágico está a preparar para Alcobaça pois, segundo adiantou, os esclarecimentos quer sobre o número quer sobre o trabalho do mágico não foram, até agora, adiantados pela maioria PSD. O vereador fala, ainda, da falta de critérios na atribuição de valores para evento que dinamizem a cidade, e adianta que não se lembra da Câmara ter gasto tanto dinheiro em eventos desta natureza e a verba em causa até está a fazer bastante falta a outras áreas ainda deficitárias no concelho de Alcobaça, nomeadamente Habitação Social, que não têm avançado por falta de capacidade financeira da autarquia, segundo a justificação dada pela maioria PSD.Pelos mesmos argumentos se bate a CDU. O vereador Rogério Raimundo considera que existem no concelho outras prioridades e lembra que os honorários de 180 mil euros ao mágico estão completamente desfasados da situação que o país e o concelho estão, actualmente, a viver.O vereador da CDU, que diz ter toda a consideração pelo artista, “não compreende como é que a Câmara não aprova coisas simples como a valorização das colectividades, a resposta social a necessidades urgentes que surgem, nomeadamente associadas ao défice de habitação social alegando falta de verbas e, de repente, faz aparecer 180 mil

euros, que desaparecem dos cofres municipais, para a magia e para agradar às pessoas”.

O número mágico de Luís de Matos ficou acertado logo após a eleição do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça como uma das Sete Maravilhas de Portugal no concurso realizado no dia 7 de Julho de 2007, no mesmo dia em que o mundo escolheu, também, as suas maiores maravilhas patrimoniais. Luís de Matos foi um dos padrinhos da candidatura de Alcobaça. Agora, passado um ano da eleição, apresenta um número com que promete colocar o Mosteiro no palco da maior metamorfose de todos os tempos.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

As vantagens de apostar num projeto de cozinha com ilha

Este tipo de cozinhas modernas com ilha, são cada vez mais comuns em Portugal por oferecerem uma estética interessante e serem muito mais práticas do que as cozinhas com uma disposição mais tradicional.

artigo