Q

Previsão do tempo

17° C
  • Thursday 26° C
  • Friday 31° C
  • Saturday 30° C
18° C
  • Thursday 32° C
  • Friday 38° C
  • Saturday 38° C
18° C
  • Thursday 33° C
  • Friday 38° C
  • Saturday 38° C

Bernardo Sassetti e Maria João em Alcobaça

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Abertura do festival Injazz – jazz em portuguêsDavid Mariano Há quatro anos que o Injazz é o único grande festival itinerante dedicado exclusivamente ao jazz feito por músicos portugueses – trocando por miúdos, a quarta edição do Injazz 2008 volta a matar dois coelhos de uma cajadada só, o que significa que não só divulga […]

Abertura do festival Injazz – jazz em portuguêsDavid Mariano Há quatro anos que o Injazz é o único grande festival itinerante dedicado exclusivamente ao jazz feito por músicos portugueses – trocando por miúdos, a quarta edição do Injazz 2008 volta a matar dois coelhos de uma cajadada só, o que significa que não só divulga e promove um programa de alta qualidade artística fora dos principais centros urbanos (descentralizar é para a organização uma prioridade) como se empenha em mostrar o que de melhor se faz no panorama do jazz nacional. É um princípio que vem estabelecido desde a primeira edição em 2005: a apresentação de projectos de primeira linha do jazz português, assim como a estruturação de uma campanha eficaz que contribua para um maior reconhecimento dos artistas em todo o país.

Alcobaça tem feito parte do périplo desde os auspícios desta iniciativa e este ano não será diferente (com o alargamento do número de cidades participantes a ampliar o tal efeito de descentralização que sempre presidiu ao evento), alinhando novamente num programa preenchido por concertos, actividades didácticas, jam sessions, animação de rua, exposições e workshops (actividades que procuram contribuir para a criação de um ambiente de festa e discussão em torno da “excitante linguagem musical” –palavras deles – que é o jazz). De facto, quem fala em “primeira linha” está a falar de nomes como Bernardo Sasseti e Maria João: o primeiro sobe ao palco do Cine-Teatro de Alcobaça no dia 29 de Fevereiro, pelas 21h 30, enquanto a segunda nem deixa o soalho esfriar, actuando logo no dia seguinte a 1 de Março, à mesma hora. Quem olhar para informação contida na agenda oficial deste espaço perceberá que as datas estão trocadas, mas ao leitor o Região da Nazaré garante que são os dias aqui referidos os verdadeiramente correctos (e caso não se queira preocupar muito com isso pode sempre comprar o bilhete com desconto que serve para ambos os espectáculos). Na primeira noite temos, portanto, Bernardo Sasseti ao piano e a solo, num projecto original complementado com imagens resultantes do seu próprio trabalho fotográfico (concerto que é o primeiro de um ciclo de três durante o festival dedicados aos improviso e que será composto também pelos pianistas João Paulo Esteves da Silva e Mário Laginha em datas a anunciar). Quanto à noite de sábado, Maria João aproveita para estrear uma nova formação de jazz e promete ainda estarrecer o público (embora não haja novidade nenhuma nisto) com a sua voz prodigiosa.Isto há “Coisas de Jazz” Entre muitas outras coisas (cinema, rádio, fotografia, livros e gira-disquismo) há uma coisa que é mesmo com ele: jazz. Falamos de José Alberto Vasco, conhecido como o mais obsessivo (no bom sentido) melómano alcobacense que aproveita a passagem de grandes artistas do jazz nacional pelo Cine-Teatro de Alcobaça para agora apresentar no Foyer deste espaço (e um dos seus “lugares de infância”) a exposição “Coisas de Jazz”, entre os dias 25 de Fevereiro e 25 de Março. Coleccionador inveterado e amante dos “belos objectos culturais”, José Alberto Vasco aplica-se em tirar do baú uma série de recordações que contemplam discos, revistas, pinturas, programas, bilhetes, cartazes de concertos, criando ainda um espaço dedicado à história do jazz em Alcobaça. Numa época em que a cultura ameaça tornar-se cada vez mais descartável, esta é uma boa forma de evocar os tempos em que era palpável: os tempos em que tinha “corpo”.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

As vantagens de apostar num projeto de cozinha com ilha

Este tipo de cozinhas modernas com ilha, são cada vez mais comuns em Portugal por oferecerem uma estética interessante e serem muito mais práticas do que as cozinhas com uma disposição mais tradicional.

artigo

Quercus atribui Qualidade de Ouro a duas praias do concelho da Nazaré

A associação divulgou a lista das 440 praias com “Qualidade de Ouro”, um valor nunca antes alcançado na história deste galardão que avalia a qualidade das águas balneares nacionais, estando as duas praias costeiras do concelho da Nazaré integradas no ranking de...

245416536 4319795401408206 1376882044721136776 n