Q

Previsão do tempo

18° C
  • Monday 22° C
  • Tuesday 23° C
  • Wednesday 23° C
18° C
  • Monday 26° C
  • Tuesday 27° C
  • Wednesday 27° C
18° C
  • Monday 28° C
  • Tuesday 28° C
  • Wednesday 29° C

Oposição em ataque continuado

EXCLUSIVO

ASSINE JÁ
Vereadores do PS propuseram retirada de delegação de competências Executivo nazareno continua em efervescência De reunião para reunião a oposição tem vindo a apertar o cerco à minoria PSD e o clima que se vive no executivo é de grande instabilidadeAntónio PauloAs últimas reuniões do executivo camarário nazareno voltaram a ser marcadas pelo confronto verbal […]
Oposição em ataque continuado

Vereadores do PS propuseram retirada de delegação de competências

Executivo nazareno continua em efervescência

De reunião para reunião a oposição tem vindo a apertar o cerco à minoria PSD e o clima que se vive no executivo é de grande instabilidadeAntónio PauloAs últimas reuniões do executivo camarário nazareno voltaram a ser marcadas pelo confronto verbal entre o presidente da autarquia Jorge Barroso e o ex-vice presidente Reinaldo Silva, e por uma marcação cerrada à actuação do edil por parte dos vereadores do PS e do Grupo de Cidadãos Independentes.

A revogação da deliberação de competências no presidente da autarquia aprovada no início do mandato, por proposta da bancada do PS, que contou com apenas com a oposição da vice-presidente Mafalda Tavares, com Jorge Barroso ausente da votação, foi um dos últimos desenvolvimentos decorrentes do grande clima de instabilidade que se vive no executivo. O vereador Vítor Esgaio justificou a apresentação da proposta com uma “desmedida concentração de poderes” no presidente da autarquia, sendo secundado na sua posição por António Trindade a sustentar que “não é legítimo chamar técnicos para fazer o trabalho dos políticos”, referindo-se à estratégia delineada pelo edil para assegurar a gestão do município. Barroso manifestou a intenção de não aceitar algumas das competências previstas na proposta rosa e alertando para alguns constrangimentos que a revogação da delegação de competências poderia colocar à gestão camarária, uma situação que viria a surgir na reunião da passada segunda-feira com a aquisição de produtos alimentares para as cantinas escolares, e que levou à aprovação de uma competência delegada para proceder a aquisições até um montante de 4 mil euros. Uma proposta do GCI destinada à abertura de concurso para integração de trabalhadores avençados da autarquia, mereceu a aprovação do PS e do vereador Reinaldo Silva, e os votos contra dos eleitos do PSD, com o presidente da autarquia a contrapor que a proposta representa “uma distorção do concurso público”. A retirada da proposta ainda chegou a ser lançada por Barroso, mas Reinaldo Silva contrapôs que não “via nada de ilegal na proposta” argumentando que “o senhor tem o hábito de chamar a si a paternidade das propostas, mas não continue por aí que isso vai ser uma carga de trabalhos”. O executivo aprovou entretanto no decurso de uma reunião extraordinária, por cinco votos a favor (PS, GCI e de Reinaldo Silva) e um voto contra da vice-presidente Mafalda Tavares (PSD), uma proposta para a compra de uma viatura de serviço para o presidente da Câmara. A iniciativa coube ao agora vereador Reinaldo Silva que havia pedido anteriormente o agendamento deste assunto, bem como fornecimento do número de quilómetros feitos no carro próprio do chefe do executivo ao serviço da autarquia e montantes liquidados. Jorge Barroso, que não participou na votação, não considera esta medida acertada por entender que a utilização de carro próprio ao serviço da autarquia é muito mais barato para a autarquia. Uma outra questão analisada a pedido do vereador Reinaldo Silva prendeu-se com a adesão da autarquia ao “Banco Alimentar do Oeste”, uma proposta que vai agora ser discutida no seio da rede social do concelho, tendo o executivo deliberado entretanto a atribuição de uma verba de mil euros àquela entidade.

(0)
Comentários
.

0 Comentários

Deixe um comentário

Artigos Relacionados

As vantagens de apostar num projeto de cozinha com ilha

Este tipo de cozinhas modernas com ilha, são cada vez mais comuns em Portugal por oferecerem uma estética interessante e serem muito mais práticas do que as cozinhas com uma disposição mais tradicional.

artigo

Quercus atribui Qualidade de Ouro a duas praias do concelho da Nazaré

A associação divulgou a lista das 440 praias com “Qualidade de Ouro”, um valor nunca antes alcançado na história deste galardão que avalia a qualidade das águas balneares nacionais, estando as duas praias costeiras do concelho da Nazaré integradas no ranking de...

245416536 4319795401408206 1376882044721136776 n